29 de janeiro de 2016

[Resenha] Aníur - Esther Moratto

Nome: Aníur
Autor (a): Esther Moratto
Editora:  Young
Páginas: 219

Classificação:

Jake e Meg são jovens recém-casados e teriam um belo futuro pela frente. Mas não contavam com uma grande catástrofe, que poderia acabar com suas vidas. Um terremoto abalou a cidade em que vivem e uma doença misteriosa surgiu logo após o incidente. Será que isso seria o fim do mundo? Descubra nesta história agoniante, que te prenderá do começo ao fim.


 “As boas intenções têm sido a ruína do mundo. As únicas pessoas que realizaram qualquer coisa foram as que não tiveram intenção alguma” - Oscar Wilde.

Jake e Meg estão casados há pouco tempo, apesar de serem bem jovens. Os dois se conheceram de uma forma bem comum, mas assim que a viu, Jake soube que ela era a mulher da sua vida, ele sentiu aquela velha palpitação, as mãos suando, os velhos sintomas de uma nova paixão. Os dois logo ficaram amigos, ambos cursaram a mesma faculdade; ela fez curso de Moda e ele fez Comunicação. O amor foi crescendo, tiveram seu primeiro beijo, sua primeira briga, conheceram os pais um do outro (a mãe dele é uma megera), e até que ele a pediu em casamento.

Tiveram um lindo casamento, não tiveram uma grande Lua de Mel, porque não podiam se afastar de seus empregos, mas os poucos dias que ficaram afastados mágicos, mas como tudo que é bom um dia acaba eles tiveram que voltar para a vida real. Assim que retornaram de viagem, Jake precisou viajar as pressas a trabalho, como não podia recusar, ele teve que ir, deixando Meg sozinha em casa. Uma tarde quando estava no apartamento, Meg começa a sentir tudo tremer, é quando se dá conta de que está ocorrendo um terremoto. A partir tudo vira um caos.


[...] Não conseguia respirar, sentia que desmaiaria a qualquer instante. Não sentia mais dor. Meus olhos se fechavam, acho que estava morrendo. Tentei gritar e pedir ajuda, mas as únicas letras que saíram da minha boca foram:
‒‒ J-A-K-E!

Após o tremor, Meg é resgatada e levada a um abrigo, ela está com medo, cansada, desesperada por notícias, tanto do seu pai, quanto do Jake que ainda está viajando. É quando de repente as pessoas começam a passar mal, e em questão de minutos, morrem. Quando isso começa a se repetir com todos que estão no abrigo, as pessoas se desesperam e tentam fugir de alguma forma dessa epidemia. Em paralelo, Jake está de volta, assim que o avião pousa, ele vê a destruição da cidade, nesse momento a única coisa que ela pensa é encontrar sua esposa.

[...] Minha respiração ficou pesada, as lágrimas vieram quando pensei que Meg poderia estar machucada ou presa debaixo de algum lugar, ou pior, poderia estar...NÃO! Ela estava viva, eu sentia que ela estava viva [...]

Eu li o livro em uma tarde, ele é pequeno, possui poucas páginas, mas essas poucas páginas me deixaram tão ansiosa e tão angustiada, que não foi pouco. Eu lia e lia, não consegui parar. Eu lia tentando entender o que estava acontecendo, tudo aconteceu de repente, eu torcia pra Meg conseguir notícias de alguém, você vê o desespero dela, o medo de nunca mais ver seu marido, a sua busca por respostas, e isso vai te prendendo na leitura cada vez mais, que quando você vê... Já terminou!

Eu gostei dos personagens, mesmo em meio há tantos desastres, tantas mortes, eles ainda continuam lutando, não importa o que aconteça no caminho, o que verão, o único objetivo deles é sobreviver e se reencontrarem. Durante a busca, ambos conhecem pessoas que estão tentando fazer a mesma coisa; alguns procuram sobreviventes, outros estão em busca de um lugar seguro, e cada um recebe ajuda do outro. Dessas pessoas teve um em questão que não gostei, ele teve um papel fundamental no livro, mas mesmo assim, meu santo não bateu com o dele.

Em suma, Aníur foi uma surpresa, a Esther Moratto conseguiu criar uma ótima história, com bons personagens, cada capítulo tinha tanto drama, tanta emoção. É sempre bom conhecer novos talentos, existem tanto escritores bons nesse Brasil a fora, pessoas com um talento incrível, e muitas vezes nem temos a chance de conhecer, a Esther é uma dessas pessoas, seu talento está presente nesse livro, espero que ela continue escrevendo, e que outras pessoas tenham a chance de conhecer seu trabalho.




40 comentários:

  1. Oie,
    puxa um livro que é uma verdadeira surpresa, fico pensando como deve ter sido duro a Meg toda essa epidemia e longe do seu amado ainda por cima.
    Achei a capa do livro linda ♥ ♥ ai meu deus quero ler com urgência, acho que vou abrir uma brecha no meu orçamento e compra-lo.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  2. Olá.
    Gostei muito da premissa do livro. Adoro filmes que mostram o pânico epidemiologico e mais recentemente comecei a ler livros com esse tema e comeciei a amar também e já quero ler esse que me parece muito bom.
    Bejos

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Hello :)

    Romance + Desastre + Epidemia. Você falou a minha língua nesse post quando escreveu o terceiro parágrafo. Conhecia o livro apensas de capa mas não havia lido a sinopse e agora estou desejando pra ontem!!! Adorei demais a resenha e espero ter a oportunidade de lê-lo logo!

    Beijinhos e que a Força esteja com você!
    www.cantinhocult.com

    ResponderExcluir
  4. Amei a resenha Dani! =D Obrigada pelo carinho. Fiquei muito feliz que gostou do livro e mais ainda com sua dedicação e atenção com os autores e livros nacionais. Você me inspira a continuar a escrever. Beijoss S2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz por ter gostado, eu que agradeço por poder ler o seu livro.

      Excluir
  5. Oi Dani
    Nossa, adorei a resenha. Adoro livros bem dramáticos e esse pareceu ser muito bom. Me coloquei no lugar da Meg, enfrentar uma catástrofe e ainda estar longe do marido não dever ser fácil. Adoro descobrir autores novos, pois ás vezes somos surpreendidos por livros como esse. Vou ler com toda a certeza.
    Beijos
    http://www.notinhasderodape.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Dani
    Adorei a resenha. Adoro livros bem dramáticos e esse parece ser um prato cheio.
    Me imagino o que faria no lugar da Meg... enfrentar uma catástrofe sozinha, sem o marido do lado, não deve ser fácil. Amo descobrir novos autores, ás vezes eles nos surpreendem muito e tenho certeza que esse livro vai me conquistar.
    Beijos
    http://www.notinhasderodape.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oii, tudo bem?
    Eu estou babando nessa capa! Eu sempre vi a capa do livro no Facebook, mas nunca parei para procurar a sinopse, e confesso que amei! É diferente de todos os livros que eu já li, e acredito que séria uma leitura maravilhosa!

    ResponderExcluir
  8. Que bacana, não conhecia a Esther nem o seu trabalho, mas sua resenha me chamou atenção. É muito bom quando um livro nos surpreende e quando a trama é tão boa que nos prende e quando vemos, já terminamos o livro. ^^ Valeu pela dica.
    Bjo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Não o conhecia, mas gostei dessa premissa. Ela foge um pouco dos clichês atuais. A capa está maravilhosa. Parabéns pela resenha, muito bem escrita e sem spoilers.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. É de livro assim que eu gosto: amor, morte, desastre, personagens cativantes... amei essa capa e essa sinopse. Sua resenha também está muito boa. Como assim nunca lí esse livro? Preciso dele!!

    Beijinhos!
    Ilau

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele foi lançado esse ano pela Young Editorial, a editora também é nova, mas já está com uns lançamentos muito bons!

      Excluir
  11. Oi e UFA!
    Quando você falou que livro tinha um ritmo rápido e que acabava logo, eu passei a sentir isso na resenha e foi lida rapidamente rsrs
    justamente por ser de um ritmo rápido, creio que eu não gostaria de ler esse livro (não quer dizer que eu não vá tentsr)
    Pelo que você falou, acho que ele daria um bom filme hahaha histórias de ritmo rápido, sem muitos detalhes, são perfeitas para se fazer filmes.
    Gostei da resenha, você me deixou curiosa por ter falado tanto dele sem dar spoilers :D vou procurar ele para ver se me agrada assim que possível
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olha eu sinceramente ainda não conhecia esse livro e sinceramente gostei bastante da trama. Adoro uns romances assim sabe que tem lá seus conflitos e também que nos envolve com os personagens. Eu ainda não conhecia os titulos da editora, mas eu conferi agora que eles abriram parceria e achei super legal, mas eu não me inscrevi dessa vez sabe? Mas mesmo assim parabéns, adorei a resenha e acho que vou pensar em tentar a parceria, quem sabe?! hehehehe

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/01/resenha-flor-da-pele.html

    ResponderExcluir
  13. Oi, ainda não conhecia nem a autora e nem a obra, mas gostei da sua resenha. O livro parece ser bem interessante.

    http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oie!
    Esse é aquele tipo de livro que você precisa ler comendo um chocolate, para acalmar a emoção. Que livro! Estou curiosa para ler essa história, e já sei que preciso me preparar para todo o drama que vai acontecer. Gostei muito!
    Bjs!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
  15. Oi Dani,
    Eu tenho muito medo de livros com poucas páginas, porque acho que podem haver um problema com o desenvolvimento dos personagens e da história. Mas nessa obra, parece que isso não acontece. Eu achei a premissa angustiante haha e não sei se aguentaria ler o livro sem ter um surto de ansiedade. Imagina só, você chegar de viagem e não saber onde sua esposa está e ainda por cima tem uma epidemia matando todo mundo? Que barra isso. Eu adorei mesmo a premissa. :D Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    QUE LIVRO! Meu Deus, estou MUITO curiosa para saber como acontece.
    Acho que mesmo que ele tivesse muitas páginas, leríamos muito rápido, pois parece ser uma leitura frenética. Eu li sua resenha freneticamente.
    Um tremor de terra, pessoas num abrigo e uma epidemia. Eu PRECISO saber como esse livro termina.
    Parabéns pela incrível resenha!
    Beijos ♥
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá,
    Eu fiquei louca para ler esse livro quando vi a sinopse. Até estou participando de uma seleção de parceiros com a escritora e espero muito conseguir. Quero saber o porquê dessa epidemia e o desfecho da história.
    Um beijo,
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
  18. Olá, sabe que eu não conhecia esse livro ainda e fiquei super animada para conhecê-lo, parece ser bem do tipo de leitura que eu gosto e que me prende, e o fato dele ser lido rapidinho me anima mais ainda. Ótima resenha!

    Beijos

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/01/resenha-sombras-do-medo.html

    ResponderExcluir
  19. Menina onde estava escondido esse livro que não conhecia? Fiquei sem fôlego só com essa resenha, e estou aqui querendo super ele pra mim.
    Já está na lista.
    Nossos autores arrasam.
    Beijos
    http://lua-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Nossa, foi uma grande surprese ler essa resenha, porque eu realmente não esperava o desenvovilmento que ele toma. A capa e o ínicio da resenha já tinham feito uma outra história se passar na minha cabeça: a mulher ia conhecer um outro cara ou ia descobrir que tava doente. Sei lá, imaginei tudo menos isso! hahaha Com certeza despertou minha curiosidade e se eu tiver a oportunidade vou ler.

    Um Metro e Meio de Livros

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?
    Nossa, agora estou curiosa e ansiosa para saber o que aconteceu, se eles se reencontraram e o que aconteceu depois de tudo.
    Não conhecia a obra e nem a autora, mas fiquei super interessada na leitura do livro. Que bom que gostou da leitura e dica está mais anotada. Ótima resenha ;)

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  22. Nossa! Não sabia que o livro teria uma carga tão densa.
    Quando vi esse livro pela primeira vez achei a capa linda, mas confesso que a sinopse não me instigou nem um pouco. Sendo então, esta a primeira resenha que leio, posso dizer que estava redondamente enganada. Realmente, há muito autor bom escondido por aí no Brasil e fico feliz por Esther ser um desses achados. Todo sucesso à ela.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  23. Gente fiquei nervosa só em ler a resenha, o livro deve ser ainda mais maravilhoso.
    Adorei a resenha e irei comprá-lo. Beijos

    ResponderExcluir
  24. Oiii!

    Parece ser uma leitura muito boa de ser FAZER. Acho ótimo ver a evolução dos personagens e que eles não desistem mesmo com os problemas. Eu confesso que adoro sofreee com eles.

    Espero ler a obra um dia!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  25. Olá.

    Obrigada por me apresentar à uma escrita nacional que eu não conhecia. Também gosto muito de conhecer o que se produzir aqui em nosso território.

    O livro, pelo que você descreveu, parece ser muito bom e angustiante. Devoramos as páginas à procura do que acontece e esperançosamente saber o que nossos personagens estão bem. Adoro livros que nos consomem!

    Beijos,
    Mariana Baptista
    umavidaporlivro.wordpress.com

    ResponderExcluir
  26. Oi!
    Nunca tinha lido um livro que falasse de um terremoto onde um casal está desesperado por se reencontrar.
    Achei bacana a temática abordada pela autora e fiquei morrendo de curiosidade de saber que doença foi essa que as pessoas começaram a morrer depois do terremoto.
    Espero poder ler essa obra, pois sendo curtinha e com um enredo tão bacana não tem como não ficar curioso.
    Bjs, blog gordinha assumida.

    ResponderExcluir
  27. Não conhecia o livro, mas já fiquei super encantada e interessada pela leitura. Sua resenha ficou muito boa! Bom saber que a autora desenvolve bem a narrativa. Realmente temos escritores fenomenais no brasil, e acabamos não dando tanto valor para eles, infelizmente.
    Beijos!
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Oie,
    Adorei a resenha, que bom que gostou. Geralmente esse tipo de romance não me atrai, passo a dica, hahaha

    Abraço.

    ResponderExcluir
  29. Adorei conhecer esse livro.
    Acho que nunca li um livro de destruições com um casal apaixonado. Fiquei imaginando todos os problemas que eles enfrentaram.
    Gosto de livros emocionantes e com uma boa dose de drama. Esse chamou minha atenção. Vou add na listinha.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  30. Ola lindona adorei a premissa do livro e aluta que terão para se encontrarem, depois de muitas felicidades vem essa batalha para ambos, vencer essa tragédia e se encontrar. A capa me chamou atenção também, dica mais que anotada. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  31. A história me surpreendeu! Olhando a capa, juraria que ia ser um romance normalzinho, haha :D
    Adorei conhecer o livro!

    www.livroseoutrascoisas.com.br

    ResponderExcluir
  32. Olha, eu bem imagino o quanto você deve ter ficado ansiosa lendo o livro, pois eu já fiquei só de ler a sua resenha. No começo parecia que ia ser uma história meio parada, mas depois do terremoto... nossa! Coitada da Meg, viu! Adorei a resenha, já coloquei o livro na minha listinha!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  33. Oi...
    Puxa! Que surpresa!!! juro que no início da resenha achei que fosse encontrar uma resenha sobre romances!!!

    Menina já corri no Skoob e salvei esse livro na minha biblioteca!!!

    Amei a resenha!

    Bjs

    ResponderExcluir
  34. Eu adoro filmes de desastres naturais, mas livro mesmo nunca li. Amei a premissa, parece ser uma história forte e intensa. Não conhecia a obra, e foi muito bom ler sua resenha e saber melhor sobre o que ela trata. Vou querer ler este livro em breve!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  35. Taí, fiquei curiosa para saber por que as pessoas estavam morrendo e, mais importante ainda, se Meg escapa disso ou não.
    O livro parece ter mesmo pego você de jeito, dá para notar o quanto gostou dele e esse tipo de resenha sempre aumenta o nosso interessa na leitura.

    ResponderExcluir
  36. oiii adorei a resenha, não conhecia o livro, agora quero conhecer, linda a capa tbm né :)

    Bjus Rafaella / Pacote literario
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Como assim já leu esse? Rsrs, eu nem sabia que já tinha sido lançado! A capa é tão linda!
    Não sabia bem sobre o que tratava, achei bem interessante, mas ficou uma dúvida, são explorados os porquês das mortes? Aprofunda na epidemia? Pois como citou ter poucas páginas, eu sempre fico receosa...

    Bjus
    blog Fundo Falso

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo