Primeiro livro da nova trilogia do autor best-seller de As Aventuras do Caça-Feitiço.Leif tem uma única ambição: tornar-se o melhor lutador da famosa Arena 13. Lá, os espectadores apostam em qual lutador vai derramar sangue primeiro. E, em ajustes de contas, apostam em qual lutador vai morrer. Mas a região é aterrorizada por Hob, um ser maligno que se deleita torturando a população e exibe o seu poder devastador desafiando combatentes da Arena 13 a lutas até a morte quando bem entende. E isso é exatamente o que Leif quer, pois ele conhece bem os crimes de Hob. E, no cerne da sua ambição, arde o desejo de vingança. Leif procura revanche contra o monstro que destruiu a sua família. Mesmo que isso lhe custe a vida.

Fantasia | 320 Páginas | Cortesia Editora Record | Skoob | Classificação: 4/5


Leif tem um único desejo: lutar na Arena 13 e se tornar o melhor lutador que já pisou na arena. Ao ganhar um bilhete azul premiado, ele vê a chance de tornar esse sonho realidade. Assim, ele sai da sua cidade e vai em direção ao sul, até chegar a Gindeen, cidade em que ficam as arenas e onde os combates acontecem. Chegando à cidade, ele sai à procura do melhor treinador de Gindeen, Tyron.  Mas o homem não vai aceitar treiná-lo tão fácil assim, primeiro, Leif terá que passar por um período de treinamento; se conseguir passar nesse treinamento, então ele se tornará um dos discípulos de Tyron.

Quando criança, Leif perdera ambos os pais, por isso, ele passou a morar em uma fazenda, onde trabalhava em troca de abrigo e um pouco de comida. Quando não estava na fazenda, Leif passava o tempo treinando e lutando com seus amigos, em uma luta chamada: luta de bastões. Ele logo se tornou o melhor lutador de bastão da região. Mas ele sabe que uma luta de bastão é bem diferente de lutar na Arena 13; onde os competidores são mais habilidosos que ele e mais experientes. Mas esse não é o único problema que Leif enfrentará; há tempos que todos vivem com medo de sair às ruas à noite, aterrorizados com a perspectiva de ser o próximo alvo do maligno, Hob. Esse ser é conhecido por capturar pessoas e sugar o sangue das suas vítimas e em algumas vezes suas almas. Todos temem desafiá-lo, afinal, ele possui um grande exército que lutam em seu nome.

“Era preciso deter o Hob de alguma forma... Alguém precisava fazer isso. Era preciso detê-lo.”


Assim que vi a capa desse livro e li a sinopse, eu já sabia que me surpreenderia com a obra. E não foi diferente. O livro é cheio de reviravoltas que me deixaram vidrada na leitura, sem conseguir largá-lo. Joseph Delaney criou uma história complexa e extraordinária, muito bem escrita, onde tudo é imprevisível; não conseguimos adivinhar o próximo passo do protagonista e, nem de nenhum personagem. Me surpreendi em vários momentos ao longo da leitura, sempre querendo mais; precisava saber o que aconteceria na próxima página, na verdade, precisei me conter para não ler ao menos uma linha da última página (coisa que faço quase sempre). Joseph Delaney também criou personagens incríveis, Leif é um garoto extraordinário, que mesmo com pouca idade, já passou por momentos terríveis, um garoto que luta por aquilo que acredita ser o melhor, não só para ele, mas para todos. Ele é um lutador muito bom, sempre lutando para ganhar, tentando aprender ao máximo para alcançar seu objetivo.

“Com qualquer nome, ele é uma abominação. Uma criatura como essa merece ser cortada em pedacinhos e espalhada ao vento. Mas os homens estão fracos e amedrontados, e aqui Hob governa. Porque esta é Midgard, a terra de um povo derrotado e morto. Esse é o Lugar Onde Homens Habitam.

Todos os personagens que aparecem no livro foram muito bem desenvolvidos, muito bem construídos. Todos eles desempenham papeis importantes na trama, e principalmente em relação ao Leif. 



Nesse primeiro livro não encontramos muitas cenas de ação, acho que pelo fato de se tratar de uma trilogia, o autor tentou nos apresentar primeiramente os personagens, pelo que eles lutam, quais serão os desafios que eles enfrentaram.  No entanto, as poucas cenas que contem no livro são maravilhosas e desesperadoras, principalmente quando Leif está no meio de uma delas.

A escrita do autor é rápida, leve e fluida. Em nenhum momento fiquei cansada ou com vontade de largar o livro. É uma narrativa feita em primeira pessoa, que me aproximou muito do 
Leif e dos seus sentimentos. Estou ainda mais curiosa para ler o segundo livro, estou muito ansiosa para isso, mas sei que terei que esperar um pouco mais (talvez muito tempo), em vista que esse livro foi lançado recentemente.

Em suma, Arena 13 é uma ótima leitura para quem gosta de distopia e uma boa dose de ação. Uma história diferente e original. Com personagens incríveis e ótimas cenas de lutas. Estou com altas expectativas para os próximos livros. Ao terminar de ler, fiquei com aquele gostinho de quero mais... e quero sim, muito mais de Leif e sua busca por justiça. Tenho certeza que esse livro agradará a vários tipos de leitores. Recomendo!







25 Comentários

  1. Eu já queria ler a muito tempo esse livro. Conheci em um evento e fiquei muito curiosa. Depois de ver que você gostou tanto da história, estou ainda mais curiosa. Preciso desse livrooo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oie!!!
    Pela capa e sinopse pensaria que é um livro cheio de ação e aventura típicos de uma fantasia, mas nunca imaginaria que seria uma distopia com as explicações sobre os motivos e as personalidades das personagens!
    Não se pode julgar mesmo um livro pela capa!
    Valeu pela dica!
    Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    Http://www.caminhandoentelivros.com.br

    ResponderExcluir
  3. Assim como vc fiquei encantada com a capa e a sinopse. Vc só confirmou aquilo que eu tinha certeza: eu preciso dessa série! Minha única dúvida agora é se eu espero sair tudo ou leio esse logo XD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tinha essa dúvida, mas resolvi não esperar muito.

      Excluir
  4. Olá
    Gostei da sua resenha,me animou para ler antes o livro que está aqui na minha pilha :)
    Eu fico meio ansiosa com trilogias e séries e acabo esperando sair todos. Mas como era opção da parceria, pedi e vejo q não vou me arrepender.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Já vi esse livro algumas vezes, mas não tinha ideia que se tratava de uma distopia. Fiquei curiosa para saber mais sobre Leif,e feliz pela história ser bem construída com personagens que realmente envolvem os leitores e o deixam ambientado na trama.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Eu tenho muita curiosidade com o autor e a série do caçafeitiços, lendo sua resenha acabei gostando dessa história também, mas prefiro as fantasias.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depois que Arena 13, me interessei muito pela série Caçafeitiços. Já estou me programando para ler.

      Excluir
  7. Oiee

    Eu gosto muito de distopias e essa parece ótima. Adoro quando tem muitas reviravoltas.
    A capa está fantástica!! O que mata é a longa espera pelo segundo livro, eu sou muito ansiosa. Acho que vou esperar para ler.

    Bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já estou começando a ficar um pouco ansiosa, daqui a pouco vou ficar ainda mais. Espero que não demore tanto tempo assim pelo lançamento do próximo livro.

      Beijos.

      Excluir
  8. Ai ai ai ai... mais uma serie!
    Normalmente nao curto livros com adolescentes, abro rarissimas exceções quando a sinopse do livro chama muito a minha atençao. Nao diria que leria esse livro agora, mas com toda certeza vou anotar a dica para quando todos os livros estiverem lançados, gosto quando um autor que escreve esse genero consegue ser fluido e faz a leitura ser rapida, eh bem dificil achar um com tanto talento assim. Dica mais que anotada.

    PS Essa capa eh maravilhosa!!

    Raissa Nantes

    ResponderExcluir
  9. Olá,
    Distopia interessante, me pareceu ser escrito de uma forma que acaba por prender a leitura.
    Me lembrou um pouco Jogos Vorazes rsrsrs.
    O que me incomoda em livros assim, é ainda não ter o próximo lançado, então as vezes prefiro esperar um pouco mais.
    Beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Às vezes também prefiro esperar pelo próximo livro, mas dessa vez foi impossível.

      Excluir
  10. Olá, tudo bem?

    A premissa parece bem bacana, pela sua resenha, fiquei com sensação de o fato de que vc mencionou, sobre não ter muita ação nesse livro, a minha sensação foi pq ele deve ser bem introdutório para as sequencias. Estou curiosa, anotando o nome do livro, vou esperar para ver mais dele. Me pareceu bem legal.:D

    Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Oi linda,

    Não conhecia a obra, mas lerei sem ver a sinopse apenas pela capa que traduz muito o estilo dos gladiadores ou homens que vivem de lutas sangrentas.
    Gostei bastante de saber que o personagem principal é bem maduro, devido os acontecimentos em sua vida, mas não se abateu e seguiu com seus sonhos.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também pensei nisso ao ver a capa, foi um dos motivos por ter escolhido o livro.

      Excluir
  12. Olá! Que capa linda! Eu gostei bastante da história. Deve ser cheia de ação, amo livros desse gênero e mais ainda quando o autor tem o cuidado de apresentar o ambiente e o personagem para seus leitores, lerei com certeza, beijos!


    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
  13. Oie
    que legal que gostou tanto do livro, não sou fã do gênero e nem sei se conhecia o livro mas adorei a dica e vou tentar indicar a alguns amigos

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá. Esse livro vai ser resenhado no meu blog ainda esse mês e espero que ele tenha agradado minha resenhista assim como te agradou.
    O livro não faz parte dos gêneros que eu costumo ler, e embora este tenha uma premissa bem interessante eu não leria ele por agora. Gostei muito de saber que tem muitas reviravoltas, isso é algo que curto muito em um livro.
    ótima resenha

    ResponderExcluir
  15. Olá,

    Gostei muito da obra, sobretudo das criaturas que o autor criou que realmente deixaram de cabelo em pé e ainda muito curiosa. Gostei muito do Leif também, o senso de coragem e determinação dele é notável.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Eu tô louca para ler esse livro! Adoro distopias e tanto a capa quanto a sinopse já chamaram minha atenção logo de cara.
    Eu adorei a premissa da obra, achei interessante. O fato de ser um livro leve e com uma escrita rápida me anima ainda mais.
    Gostei de saber que possui personagens bem construídos e uma história bem escrita. Tô ansiosa para lê-lo!
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Vejo ótimas resenhas sobre esse livro, mas nunca me animei em ler. Na verdade li poucas distopias até hoje, ainda mais as que seguem a linha desse livro.
    Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tinha dado muita atenção para o livro, mas agora, ao ler sua resenha fiquei super curiosa. E olha que eu não sou a maior fã de distopias.
      O que mais ganhou a minha atenção foi seu comentário sobre os personagens serem incríveis e o livro ter um toque original. Acho que isso é o que mais me fez ter vontade de dar uma chance. Quem sabe eu arrisco e fico tão encantada e querendo mais como você?
      Beijinhos,
      Lica
      Amores e Livros

      Excluir
  18. Oi
    Sabe que eu ainda tô em dúvida?
    Por um lado eu adoro distopias e por outro não gosto de lutas. Eu achei que o livro trazia só lutas mas sua resenha parece mostrar que não é assim.

    Enfim....não sei ainda se leio ou não!

    Sua resenha está ótima! e se eu acabar lendo foi por influência sua...

    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Arena 13 não fez o meu tipo de leitura, mas vi muitas pessoas falando bem desse livro, inclusive um dos meus colaboradores. Acho que vou dar uma chance, afinal, sempre bom sair da zona de conforto, né?

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!