Viviane acaba de perder o pai. Com a mãe em depressão, ela se vê obrigada a assumir o controle da casa com o irmão mais novo. Rafael teve o pai assassinado há alguns anos e agora viu quatro pessoas de sua família, incluindo a única irmã, morrerem em um acidente de carro. Viviane pertence a uma classe social que ele despreza. Rafael é tudo o que ela sempre ouviu que deveria evitar. Eles são opostos, porém dividem a mesma dor. Jamais se aproximariam se a morte não os colocasse frente a frente, e agora, por mais que saibam que são completamente errados um para o outro, não conseguem evitar uma intensa conexão, que poderá salvá-los ou condená-los para sempre.
As batidas perdidas do coração é uma história sobre perdas e como cada um lida com elas. É o encontro atormentado entre a dor e o amor. Com uma narrativa sexy, envolvente e repleta de música, este livro traz a última tentativa de duas pessoas arruinadas que, juntas, buscam desesperadamente se encontrar.

Romance | 406 Páginas | Editora Verus | Skoob | Classificação: 5/5

 “A vida é muito mais que uma sucessão de fatos ao acaso. Quando você acha que nada mais pode acontecer, é exatamente aí que tudo muda."

Viviane acaba de perder o pai depois de meses lutando contra um câncer. Ela está determinada as seguir em frente, ela tenta ser forte, tanto por ela, quanto para sua mãe e seu irmão. Rafael acaba de perder a irmã, ele não sabe como seguir em frente após perder mais alguém que amava. Além da dor, ele ainda enfrenta vários problemas. Rafa e Vivi são pessoas complemente opostas, ela é uma menina que sempre teve tudo na vida, ele uma pessoa que desde sempre precisou batalhar muito. Pessoas opostas, que se percebem iguais em uma coisa: a dor. Em meio a tragédias e dor, eles se encontram e descobrem nos braços do outro o consolo que necessitam. 

É assustador como podemos potencializar e pensar que a nossa dor é a maior do mundo. Ela pode realmente ser a maior para nós, mas não é a única. Em qualquer lugar, existem pessoas sofrendo por perder alguém agora. Agora. E agora...

As Batidas Perdidas do Coração” é um livro lindo e triste. A vida de Rafa e Vivi é cheia de obstáculos, provações e tristezas. Os protagonistas sofrem (e muito), apanham da vida sem dó e sem piedade. E toda essa dor, só pode ser curada com o verdadeiro amor.

- Meu pai dizia que, quando descobrimos que estamos apaixonados, o coração fica tão assustado que pula um batimento, como se estivesse se preparando para todas as variações de velocidade que vai ter que enfrentar a partir daí. É o que ele chamava de "batidas perdidas do coração". Segundo ele, o coração nunca recupera o ritmo correto até se encontrar no peito de outra pessoa.

Além dos personagens principais, conhecemos Rodrigo, irmão de Viviane. Ele é uma ótima pessoa, que tenta sempre ver o lado bom da vida, mesmo enfrentando muitos problemas. Lucas, primo de Rafa - que também já sofreu muito na vida – também é um personagem incrível, sempre preocupado com o primo, querendo sempre ver o Rafa feliz. E também temos Lex, melhor amigo de Rafa, ele foi um dos melhores personagens no livro, a relação dele com o Rafa era como se fossem irmãos, sempre ao lado do amigo para ajudá-lo em tudo.

“Quando o coração quer uma coisa e a mente quer outra, devemos pesar o que é mais importante para nós: a razão ou a emoção. E, se não conseguirmos chegar a uma conclusão satisfatória, o coração é o melhor caminho. A mente não vai esquecer, mas o coração é capaz de superar, caso tudo dê errado.”

As batidas perdidas do coração” é um intenso e até viciante, que nos faz perder várias batidas do nosso coração. Com personagens fortes, maravilhosos e cativantes. Um livro que fica na sua mente, mesmo após ter terminado de ler. É tão envolvente, que ficava com o coração acelerado. Ri, suspirei e me emocionei. Uma trama que te envolve desde as primeiras páginas. Uma narrativa surpreendente e maravilhosa. Um livro que vale muito a pena ser lido.

“A verdade que ninguém diz é que a gente muda com a morte, porque é o único jeito de sobreviver a ela.”





Deixe um comentário

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!