19 de agosto de 2016

Dica de Séries | Prision Break


Fim de semana chegando, e nada melhor do que aproveitar para fazer maratona daquela série que você quer assistir faz tempo, mas que nunca tem tempo, ou vontade para fazer.

Hoje trago para vocês uma dica de séries que todos deveriam assistir, nem que seja pelo menos um episódio, ou a primeira temporada. Ainda mais agora que a 5º temporada foi confirmado para o começo de 2017.


A série criada por Paul T. Schreung estreou em 2005 e fez muito sucesso. Eu demorei um pouco para assistir os primeiros episódios. Não que ela seja ruim, mas sempre que eu pensava em começar, nunca consegui ir adiante, estava sempre sem tempo, ou acabava colocando outra no lugar. Mas quando resolvi dar uma chance a Prision Break, não me arrependi!

Na série vamos acompanhar a vida de Michal Scofield, seu irmão – e também única família, Lincoln Burrows, foi incriminado injustamente por um crime que não cometeu. Ele foi acusado de assassinar o irmão da vice-presidente dos EUA. Por isso ele foi sentenciado à morte. Michal é o único que acredita na Inocência do irmão, e para resgatar Lincoln da prisão, ele cria um plano para conseguir isso antes que a sentença de morte seja executada. Michael, que é considerado um gênio criativo, tatua o mapa do presídio no corpo e assalta um banco para, assim, ser preso e enviado para a Penitenciária, a mesma onde seu irmão está preso. Michal e Lincoln têm uma amiga que é advogada, a mesma após estudar o caso de Lincoln, percebe que ele pode realmente ser inocente, e faz de tudo para provar a sua Inocência. Mas o que ela descobre é muito mais do que isso. Aos poucos, descobre-se uma grande conspiração por trás de tudo, que envolve desde a vice-presidente dos Estados Unidos até um enorme grupo de multinacionais envolvidos em todos os níveis da indústria e do governo estadunidense, denominado "A Companhia".


Posso resumir todas as quatro temporadas em uma única palavra: tenso. Você percebe isso logo nos primeiros cinco episódios. A série é carregada de suspense, ainda mais quando se aproxima cada vez mais do final e da realização do plano. A cada episódio esse suspense vai aumentando, nos prendendo de uma forma que se torna impossível para de assistir. Nos vemos envolvidos no drama vivido pelos irmãos, na trama que os envolve, e também na vida de cada um envolvido no plano mirabolante.


O melhor em Prison Break, é que a série nos leva a muitas reflexões, como: justiça, amor, liberdade, família, perdão, fé e esperança. Vemos como um homem pode mudar pelo poder, como o caráter é facilmente corrompido, como tudo pode ser comprado quando se tem dinheiro e poder.  


Na prisão, Michael se vê diante de decisões difíceis. Para que seu plano funcione, ele precisa da ajuda de outros prisioneiros, o problema é que esses prisioneiros não são muitos confiáveis, dentre eles tem: um assassino e pedófilo; um ex-soldado do exército americano; um chefão da máfia; um cara preso por roubar. Mas, alguns deles, se for colocar na balança, não deveria estar ali; muitos estão nesse lugar por más escolhas que fizeram; já outros merecem realmente a punição. E com isso, nos perguntamos o papel da justiça nesses casos. Sabemos que a justiça muita vezes erra em muitas situações. Muitas vezes condenando pessoas que não merecem; já outras saem impunes, quando na verdade mereciam estarem presas. E com isso nos perguntamos se a justiça é assim tão cega. Várias perguntas ronda a nossa mente enquanto assistimos Prision Break, como, por exemplo, quem merece estar preso e quem não merece? Quem merece perdão? Quem merece uma segunda chance?


Mas o melhor em toda a série é ver o qual preciso é a família. Michal e Lincoln provam que a família é o bem mais importante do mundo. A relação deles é coisa mais linda de ser ver. Para ajudar o irmão, Michal abre mão de tudo que tem, ele não pensa duas vezes antes de ir para qualquer lugar, ou se meter em um buraco, conviver com pessoas da pior espécie.  E tudo isso para quê? Para livrar o irmão – o homem que todos chamam de assassino – da morte e lhe devolver a liberdade!

Já perdi as contas de quantas vezes assisti a essa série. Estou muito, muito, muito empolgada e ansiosa pela 5º temporada de Prision Break. Ela que foi confirmada esse ano e traz de volta todo o time da produção original. As gravações já começaram e a serie deve estrear entre janeiro e março de 2017. (Haja ansiedade para espera tanto tempo). Recomendo a série para todos que curtem uma boa teoria da conspiração. 



12 comentários:

  1. Oie
    Excelente dica. Eu acompanhava a série é estou adorando essas produções de novos episódios, não só de Prision Break, mas de outras tb.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Comecei a ver Prision Break tem um tempo e não terminei passei outras series na frente acabei esquecendo parei no meio da terceira temporada kkkkk. Agora que já esta confirmada a próxima seria uma boa hora para voltar não?

    ResponderExcluir
  3. Oie

    Eu assisti e adorei!! Super cheia de suspense mesmo, o que eu adoro!
    Tomara que venha logo a próxima temporada!!

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Essa série é sensacional, lembro que quando comecei a assistir eu não conseguia parar, terminava de ver um episódio e já começava outro. A primeira temporada é de longe a melhor de todas.
    Agora vão retomar a série, espero que não estraguem a boa imagem que tenho dela rs

    ResponderExcluir
  5. Olá.
    Nunca tinha ouvido falar na série antes, mas infelizmente essa não me agradou não.
    Não é o tipo de série que eu leria, embora tenha uma trama interessante.
    Adorei seu post, sempre curto suas dicas de séries, mas essa vou deixar passar. E vou ficar de olho na próxima dica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá
    meus amigos que falam muito dessa série e realmente parece muito boa mas no momento procuro outros tipos de séries, sem contar que ando tão sme tempo :( mesmo assim, dica anotada

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oiii, como vai/
    Eu assistia essa série quando dava na globo de madrugada, mas com o tempo fui perdendo completamente o interesse, mas fiquei muito feliz em ver ela como dica, pra quem gosta vale muito a pena.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Sou a louca das séries, assisto muitas e não tenho tempo para atualizar todas hahaha. Essa série já estava na minha lista de séries que quero assistir, porque tem uma crítica muito boa. Só que no momento estou obcecada com Grey's Anatomy e por isso terei que adiar mais um pouco. Não procurei saber muito sobre o enredo da série para não pegar spoilers, mas o que escreveu na sua resenha sobre o governo e segredos escondidos debaixo do tapete me deixou ainda mais curiosa.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi!!
    Acredita que não assisti essa série, sei que muitas pessoas adoram, e isso me deixa curiosa.
    Acho que vou colocar ela na minha lista de maratonas, só assim para poder ver tudinho.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  10. Oi,
    Eu não acompanho nenhuma série, mas meu marido acompanha várias.
    Vou passar a dica para ele e quem sabe goste
    beijos

    ResponderExcluir
  11. Oie!
    Uma dica fantástica!
    Assistia essa série a muito tempo e fiquei muito feliz em saber que essa série iria voltar.
    Assim como você, estou ansiosa para assistir.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  12. Olá Dani,
    sou viciada em séries e me indicaram essa, mas desisti de começar porque havia sido cancelada. Então você me deu uma ótima notícia e ainda pude entender melhor o enredo.
    No entanto, fico me perguntando se a volta deles para essa série vai impactar na Dcs Legends of Tomorrow :(

    Beijos,
    Anne
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo