Olá queridos leitores!

Hoje no blog falarei de um dos melhores filmes que já vi. Não sei quantas vezes já assisti a esse filme, mas digo que não me canso, não importa quantas vezes for, sempre vou querer ver mais.


E se o V da verdade e o V da vitoria, fossem o V de vingança?


V de Vingança” se desenvolve numa Inglaterra futura, no século XXI, e retrata a história de uma jovem que, depois de dedesobedecer ao toque de recolher determinado pelo Estado, se encrenca com os Homens Dedo, uma forma de braço policial auxiliar estatal, mas é salva por um misterioso mascarado de codinome “V”, que depois a acolhe e lhe revela alguns de seus planos para derrubar o opressor governo e devolver ao povo a liberdade e a capacidade de questionar algumas ações de quem deveria representá-los e não reprimi-los. Ao tentar vasculhar a história de V, a jovem acaba descobrindo a verdade sobre quem ela é realmente e, acaba se aliando nessa conspiração contra o parlamento inglês. O maior plano de V começava no dia 5 de novembro. Esse plano se baseava numa história de um homem que tentou explodir o prédio do Parlamento como forma de repreensão ao governo tirânico, falhou e terminou sendo enforcado. V pensava que explodindo o prédio do Parlamento poderia mudar o mundo. 


"Lembrai, lembrai do cinco de novembro
A pólvora, a traição, o ardil
Por isso não vejo como esquecer
Uma traição de pólvora tão vil"


Em "V de Vingança", o protagonista está em busca de mudanças, e ele fará isso a todo custo. O filme foi baseado nas histórias em quadrinhos de mesmo nome e criado por Alan Moore, ao criar a HQ, Moore fez alusões à política da Dama de Ferro Margaret Thatcher. O filme mostra um governo tirano, que assim como o nazismo, procura eliminar os homossexuais, negros e manipular as pessoas através da mídia. Além disso, eles procuram eliminar tudo àquilo que possam fazer com que as pessoas pensem em promover uma revolução, como: filmes, livros, músicas e obras de arte. O filme é repleto de frases que inspiram e mostram ao povo que somente com a união é que se faz uma revolução. Que com a força do povo e ideais podemos vencer a tirania, a violência e a corrupção. 


"O povo não deve temer seu estado. O estado deve temer seu povo." 


Diferente da HQ, o filme é ambientado em um futuro distópico, onde o Reino Unido  é comandado pelo tirano e autoritário Adam Sutler, que comanda o país com mãos de ferro; ele foi eleito chanceler depois de uma crise envolvendo o abastecimento no país. V é um antigo prisioneiro de um laboratório, onde sofreu experimentos juntos com outras pessoas, a maioria: homossexuais, negros, muçulmanos e outras minorias. 


Um homem pode morrer, lutar, falhar, até mesmo ser esquecido, mas sua ideia pode mudar o mundo mesmo tendo se passado 400 anos.


O roteiro do filme fica por conta dos irmãos Wachowski (Matrix) e traz temas pertinentes aos dias atuais. A direção é do James McTeigue que nos apresenta boas cenas de ação. Tenho certeza que muitas pessoas já viram a tão famosa mascara do personagem. Essa mascara é baseada no personagem Guy Fawkes, que, em 05 de Novembro de 1605 tentou explodir o Parlamento Inglês como uma forma de protesto contra o regime do rei.  


"Por que você não morre? Porque eu sou uma ideia, e ideias são a prova de bala"


Penso que "V de Vingança" não agradaria a todos; são poucas pessoas que vejo que gostam realmente do filme. O filme nos faz refletir sobre temas a serem pensados. Um filme capaz de gerar opiniões e muitos debates. Com um conteúdo inteligente, V de Vingança deveria ser assistido por todos.  

"Igualdade, justiça e liberdade são mais que palavras; são perspectivas!"




Um Comentário

  1. Ooi! Tudo bem?
    Eu não sabia do que se tratava o filme, e toda vez que via esse homem mascarado achava que era terror >< mas, ainda bem que agora sei do que se trata, pois darei mais atenção quando eu ver passando na TV. Gostei da crítica!
    Beeijos

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!