Aos 17 anos, Liliana Young tem uma vida aparentemente invejável. Ela mora em um luxuoso hotel de Nova York com os pais ricos e bem-sucedidos, só usa roupas de grife, recebe uma generosa mesada e tem liberdade para explorar a cidade.Mas para isso ela precisa seguir algumas regras: só tirar notas altas no colégio, apresentar-se adequadamente nas festas com os pais e fazer amizade apenas com quem eles aprovarem.
Um dia, na seção egípcia do Metropolitan Museum of Art, Lily está pensando numa maneira de convencer os pais a deixá-la escolher a própria carreira, quando uma figura espantosa cruza o seu caminho: uma múmia — na verdade, um príncipe egípcio com poderes divinos que acaba de despertar de um sono de mil anos.
A partir daí, a vida solitária e super-regrada de Lily sofre uma reviravolta. Uma força irresistível a leva a seguir o príncipe Amon até o lendário Vale dos Reis, no Egito, em busca dos outros dois irmãos adormecidos, numa luta contra o tempo para realizar a cerimônia que é a última esperança para salvar a humanidade do maligno deus Seth.
Em O Despertar do Príncipe, Colleen Houck apresenta uma narrativa inteligente, cheia de humor e ironia. Este é o primeiro volume da aguardada série Deuses do Egito, uma aventura fascinante que vai nos transportar para cenários extraordinários e nos apresentar a criaturas fantásticas da rica mitologia egípcia.

 Fantasia | 384 Páginas | Editora Arqueiro | Skoob | Classificação: 5/5 


O Despertar do Príncipe é o primeiro volume da série Deuses do Egito, escrito pela autora Colleen Houck e publicado pela Arqueiro.


Nesse livro o leitor conhece Liliana Young, uma jovem que tem tudo na vida; filha de pais riquíssimos, que exigem muito da filha. Para eles ela precisa sempre tirar boas notas na escola, ter amizades com pessoas que eles aprovam e estar sempre cuidando da aparência e imagem publica. Como recompensa, Liliana vestira somente roupas de grife, terá direito a uma mesada bem gorda e poderá explorar livremente Nova York. Ela está mais do que acostumada a fazer sempre o que as pessoas querem e esperam dela, ela não é uma pessoa que tem coragem para enfrentar os pais e dizer o que realmente quer, ela não consegue expor sua vontade para eles.

Eu era inteligente. Era culta e sensata. Me dava bem com os adultos. Era o retrato de uma menina tranquila, calma e controlada. E nunca, nunca perdia o controle. [...]

  Em uma de suas muitas visitas ao Metropolitan Museum of Art, ela conhece um jovem diferente de todos que ela já conheceu. Amon estava falando coisas que ela não entendia e procurando algo que ela não sabia o que era. A primeira coisa que Lily pensa é que esse estranho deveria ser algum tipo de maluco. Mas o que ela não imagina, é que na verdade o estranho é um príncipe egípcio que despertara de um sono de mais de mil anos com o objetivo de impedir que o deus Seth retorne e espalhe o terror pelo mundo. Com isso, Lily e Amon partem para o Egito em busca dos irmãos do príncipe, para juntos realizarem o ritual para manter afastado o deus do caos por mais um milênio.


Durante essa aventura, Lily não esperava que sua vida mudasse tanto. Que suas certezas sobre o que queria pudesse mudar após conhecer Amon. Ela percebe que ela é mais do que deixa transparecer, que ela não é uma menina mimada e riquinha que faz tudo para deixarem os pais felizes.

Sim, minhas emoções eram contraditórias. Sim, Amon estava me usando como se eu fosse uma barrinha energética. Sim, ele era uma múmia egípcia ressuscitada. Mas eu não podia negar que jamais me sentira tão… viva.

O livro é narrado na maior parte pela Lily, por isso, não é possível saber quais são os sentimentos do jovem príncipe. Lily é uma personagem que como eu disse, não tem coragem para enfrentar as pessoas, nem ao menos falar o que estava realmente pensando. Por esse motivo, algumas atitudes da personagem acabaram me irritando um pouco. Já Amon é um perfeito cavalheiro, capaz de derreter o coração de qualquer jovem.

– Você é bela como um botão de flor beijado pelo orvalho de uma manhã dourada.


Sempre gostei muito de ler sobre a cultura egípcia, e essa é uma das melhores coisas nesse livro; ter a chance de conhecer mais sobre essa cultura incrível. A narrativa aqui é fácil, fluida e envolvente. O romance ficou um pouco de lado nesse volume, não achei que a história ficou centrada nos protagonistas; o que de certa forma foi bem legal. É uma narrativa gostosa, divertida e cheia de mistérios e magia.

Mesmo com alguns pontos que me incomodaram, O Despertar do Príncipe é uma ótima leitura para aqueles que também adoram histórias sobre a cultura egípcia. É um ótimo livro cheio de fantasia, mitologia, boas cenas de ação e uma pitada de romance.

Estou ansiosa para ler o segundo volume da série: O Coração da Esfinge. Espero gostar ainda mais e encontrar muitas aventuras e romance envolvendo o casal.





14 Comentários

  1. Boa noite!
    Seu blog é lindo ♥ Seguindo!
    Por favor conheça o nosso :) http://osdeliriosdeconsumodeumaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oiiii, como vai?
    Infelizmente dessa vez a obra em si não despertou meu interesse, a história não me prendeu então com isso irei pular a dica,mas a sua resenha ficou um arraso, além do mais o livro é muito bonito.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Acredita que nunca li nada da Colleen Houck? Ganhei A Maldição do Tigre e até hoje não me animei. Acho que vai ser aquela coisa de "pq não li isso antes?" quando eu finalmente ler, pq todo mundo adora e só leio boas resenhas dos livros dela.
    BJo
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Ainda não conheço a escrita da autora, mas estou super curiosa para ler essa série devido trazer diversos detalhes sobre a cultura egípcia que é fantástica!
    Outro ponto é por se tratar de uma trama cheia de mistérios, magias e ser uma leitura leve e envolvente.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Sou super curiosa nessa história! Ganhei até a Ecobag desse livro e ainda não li!
    Preciso resolver este probleminha o quanto antes! =)
    Adorei sua resenha!

    beijinhos

    #Ana

    https://literakaos.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi,
    Ao ler esse livro também tive muita vontade de "bater" em Lily, fiquei extramente irritada com ela! hahahhaa Só espero que nos outros livro, ela evolua!!
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  7. Olá!!

    Eu ando um pouco enjoada com histórias com príncipes mas quando você falou que explora bem a cultura egípcia fiquei muito curiosa pelo livro.
    Vou tentar ler.
    Adorei a resenha!

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá...
    Eu tenho muita vontade de ler esse livro até pq eu nunca tive contato com a obra egípcia assim. Esse livro parece ser interessante apesar de tudo.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Eu tenho esse livro aqui, mas ainda não o li.
    Acho a premissa interessante, adoro tudo sobre a cultura egípcia e poder conhecer um pouco mais nessa obra é muito legal!
    Gostei de saber que a narrativa é fácil, fluida e envolvente. Nunca li nada da autora e tô bem curiosa.
    Adorei a resenha e espero fazer essa leitura em breve!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Para falar a verdade, não sabia nada de cultura egípcia até ler esse livro, mas adorei conhecer um pouco sobre o assunto. Foi minha experiência com a autora e amei a leitura, estou ansiosa pelo segundo.

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Confesso que pela sinopse livro não me interessou, mas após sua resenha minha perspectiva mudou de "nem aí" para "quero". kkkkkk.
    Dica mais que anotada!!!
    Ótima resenha!

    Beijoos!
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Ola lindona estou doida para começar a ler essa série, espero gostar, pois não consegui ler a primeira série da autora, gostei muito da premissa e gêneros do livro. a capa está linda. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  13. Ooi! Tudo bem? Adorei a resenha :D
    Eu gosto muito da mitologia egípcia e estava interessada nessa série, mas como sou ansiosa, já fico pensando que vai ter um futuro triângulo amoroso (que essa autora gosta disso que eu sei hahaha) e isso me desanima em começar, sabe? Mas, após sua resenha, acho que vou dar uma chance sim.
    Beeijos

    ResponderExcluir
  14. Eu quero muito ler os livros dessa série, esse primeiro volume não tinha me chamado tanta atenção mas de uns tempos para cá eu mudei de ideia e estou bem curiosa com ele.

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!