Anos atrás, Kahlen foi salva de um naufrágio pela própria Água. Para pagar sua dívida, a garota se tornou uma sereia e, durante cem anos, precisa usar sua voz para atrair as pessoas para se afogarem no mar. Kahlen está decidida a cumprir sua sentença à risca, até que ela conhece Akinli. Lindo, carinhoso e gentil, o garoto é tudo o que Kahlen sempre sonhou. Apesar de não poderem conversar pois a voz da sereia é fatal , logo surge uma conexão intensa entre os dois. É contra as regras se apaixonar por um humano, e se a Água descobrir, Kahlen será obrigada a abandonar Akinli para sempre. Mas pela primeira vez em muitos anos de obediência, ela está determinada a seguir seu coração.


Fantasia | 328 Páginas | Editora Seguinte  Skoob Classificação: 4/5 

Desde que eu terminei de ler o terceiro livro da série A Seleção, aguardava por mais livros da Kiera Cass. Então vieram as continuações de “A Seleção” (que eu ainda não li), e no mesmo ano veio “A Sereia”. Não esperava muito do livro, não tinha lido quase nenhuma resenha sobre ele para ter uma base se gostaria ou não da história. Ainda que eu prefira os três primeiros livros da série A Seleção, A Sereia não está longe de ser uma boa leitura.  

Em A Sereia conhecemos a história de Kahlen. Em uma viajem de navio com os pais, a jovem foi vítima de um naufrágio, sendo salva pela Água. A partir desse momento ela passou a trabalhar para ela durante o período de cem anos. Kahlen agora é uma sereia. A jovem vive na companhia de suas irmãs – também sereias. Trazendo para sua nova vida algumas de suas personalidades humanas, Kahlen é muito disciplinada em seu trabalho: Sempre que a Água está com fome, Kahlen e suas irmãs precisam atrair e embarcações, fazendo com que elas naufraguem, e assim, alimentar a Água. Após oitenta anos de serviço, Kahlen começa a questionar tudo. Assombrada com os constantes pesadelos daqueles que viu morrer, ela não sabe como poderá viver por mais vinte anos realizando essa tarefa tão difícil. Kahlen está cada vez mais solitária, até o momento em que ela conhece Akinli, um rapaz que trará um novo sentido a sua vida.


Preciso dizer que amei o relacionamento de Kahlen com a Água e com suas irmãs. A jovem enxerga na Água uma espécie de mãe, e essa por sua vez ama as sereias como se fossem suas filhas. Mesmo as garotas pensando o contrário, a Água se recente por todas as pessoas que morreram para que ela pudesse se alimentar. O único desejo que ela tem é ser amada por suas filhas. Também gostei da personalidade da protagonista. Kahlen  é uma sonhadora. Uma menina que sonha com o seu “feliz para sempre”, sonha em encontrar um amor para toda a vida, em se casar e ser muito feliz. Em seus oitenta anos vivendo como sereia, ela viveu praticamente em função das irmãs; cuidando delas, dando amor e tudo o que elas precisavam. É somente quando conhece Akinli que ela passa a sonhar e viver mais.

Outra coisa que adorei nesse livro foi a mitologia criada pela autora. Acredito que todos conhecem sobre o conto do canto da sereia, e é muito interessante perceber como a autora usou essa parte da mitologia sobre as sereias nesse livro. Aqui são as sereias as responsáveis por alimentar a Água. E que sem essas mortes, a Água poderia perder o controle e devastar o mundo.  

A Sereia” foi uma leitura muito agradável. É envolvente, leve, com certos momentos divertidos, fluidos e mágico. Um livro sobre família, amizade e amor.



13 Comentários

  1. Só eu que acho incrível essa capa? E meu Deus, eu amo a Kiera Cass, mas diferente de você já havia lido outras resenhas e também contrário a sua, pelo que eu havia lido, as opiniões eram que a história é fraca e uma leitura um pouco lenta. Mas com a sua resenha, voltou a vontade de ler ao livro, e sou viciado em história de sereias, então espero fazer uma boa leitura.
    Trouxa do Livro

    ResponderExcluir
  2. Embora eu tenha muita curiosidade para conhecer a escrita da Kiera, esse livro é o único que não me interessada. Gostei de ver a sua resenha e conhecer a sua opinião, mas não me atraio pelo livro.

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Eu tenho bastante vontade de ler este livro da Kiera, gosto da premissa!!
    A Seleção perdi a vontade faz um tempo já!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Estou com um pé atrás com este livro. Apesar de gostar da escrita da Autora, não estou tão empolgada com o enredo deste livro. Que bom que gostou.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi, estou meio curiosa para ler esse livro, mas ainda não está na minha prioridade para leituras no momento. Li os três primeiros de A Seleção e amei, mas decidi não a continuação depois de ler várias resenhas negativas.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi! Tudo bem?
    Não consigo me interessar por essa autora. Nunca li nada delas, mas os livros não me atraem. Sei que é muito comentada pelo leitores, principalmente os adolescentes! Parabéns pela leitura e pela resenha, mas dessa vez passo a dica!

    ResponderExcluir
  7. Sereia. Incrível a imaginação das pessoas. Um romance sobre a fome da água, a necessidade da mãe água por vida pra manter-se calma e não devastar o mundo. Fico impressionado com a imaginação desses autores. Quanto ao livro, me abstenho do formular uma opinião.

    ResponderExcluir
  8. Oi. Conheço o livro, até tentei ler, mas para mim a leitura não funcionou muito, uma aluna me emprestou e não conseguia passar das primeiras páginas, infelizmente.

    ResponderExcluir
  9. O único livro que li dessa autora foi A Seleção e confesso que fiquei surpresa por ter gostado do livro.
    Nesse livro, eu achei interessante a inserção de mitologia na narrativa, normalmente isso faz ser mais didático para os leitores mais novos.
    Abraços.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li a série A Seleção, não me chama a atenção. Porém, por tão falado que tem sido, provavelmente daria a chance se chegasse a por minhas mãos nele. Esse vai pelo mesmo caminho que os outros da autora.

    ResponderExcluir
  11. Eu quero muito conhecer a leitura de *A Sereia*, sempre gosto das resenhas, porém ainda nao conseguir adquirir-lo para leitura, mas vamos ver esse ano.

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir
  12. Oiee
    logo que esse livro saiu eu estava muito animada em fazer essa leitura, mas confesso que depois essa minha vontade arrefeceu mesmo assim acredito que ainda o leria caso o tivesse em mãos. A sua resenha está muito bem escrita e esclarecedora.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Morro de vontade de ler essa obra porque amo a escrita da Kiera e pela sua resenha também achei bem interessante esse relacionamento da protagonista com a água, essa personificação que a autora nos trouxe. Sua resenha ficou simplesmente demais!
    Beijos.

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!