1 de fevereiro de 2017

[Resenha] Peça-me O Que Quiser - Megan Maxwell


Com tempero latino e uma abordagem excitante, essa é a história da secretária espanhola Judith Flores e seu chefe, o alemão Eric Zimmerman, também conhecido como Iceman: um homem muito sério e com os olhos azuis mais intensos e sexies que ela já viu. 
Recém-chegado ao comando da empresa Müller, antes dirigida por seu pai, Eric tem uma atração instantânea pelo jeito divertido de Judith e exigirá que ela o acompanhe nas viagens de trabalho pela Espanha. Mesmo sabendo que está se metendo numa situação arriscada, a ideia de estar ao lado de Iceman é irresistível. Com ele, a jovem viverá experiências sexuais até então inimagináveis, em um universo de fantasias eróticas pouco convencionais. 
Conciliando sexo e romantismo na medida exata, Peça-me o que quiser é uma história de amor cheia de encontros e desencontros, na qual os jogos eróticos, o voyeurismo e o desejo de ultrapassar todos os limites do prazer são os grandes protagonistas.

Erótico (+18) | 400 Páginas | Editora Suma de Letras | Skoob | Classificação: 3/5 | Leia o 1º Capítulo


Série Peça-me O Que Quiser

1. Peça-me O Que Quiser
2. Peça-me O Que Quiser Agora e Sempre
3. Peça-me O Que Quiser ou Deixe-me
4. Peça-me o que Quiser e Eu Te Darei


Quando decidi ler Peça-me o que quiser, estava um pouco receosa com o que encontraria. Quando estava lendo a trilogia Cinquenta tons de Cinza, uma amiga comentou sobre a trilogia Peça-me o que quiser e se eu sabia alguma coisa sobre os livros. Não soube o que responder a ela. Então, fomos nós duas ler as resenhas dos livros. As resenhas que li não foram tão favoráveis e isso acabou fazendo com que eu desistisse de realizar a leitura. Adiei  o máximo que consegui. Mas quando estava vendo os comentários de algumas pessoas em um grupo no Facebook, minha curiosidade em relação a trilogia retornou. Ano passado resolvi ler os três livros e acabar de vez com a dúvida: será que valia à pena a leitura desses livros? A resposta é: até que vale!


Geralmente eu não tenho preconceitos com esse gênero literário, na verdade, eu até gosto. Quando iniciei a leitura, resolvi esquecer a opinião dos outros, ler e tirar minhas próprias conclusões. Alguns aspectos do livro estavam de acordo com o que tinha lido nas resenhas sobre ele. A personalidade dos protagonistas foi uma das coisas que mais me irritaram. Nas primeiras páginas e à medida que avançava com a leitura, fiquei extremamente irritada com o Eric. Ele é controlador ao extremo, e Judith depois que o conheceu, se transformou em uma mulher submissa as vontades dele. Acho que capacho descreveria melhor essa mulher. Passando da fase de conhecimento, começa as partes erótica do livro. Eu achava que estava preparada para o que encontraria, mas fui surpreendida. Eu lia, parava para pensar no que estava lendo e depois continuava a leitura. Quando chegava nessa partes, eu tentava não julgar ou ler as cenas sem um olhar preconceituoso. E, embora eu tenha falhado em alguns momentos e julgado sim a personagem, precisei me segurar para não ficar o tempo inteiro censurando o que eles faziam. Sem contar que minha paciência estava chegando ao limite com as constantes brigas do casal. Era um tal de briga-volta-sexo-termina-volta-sexo; eu já estava ficando maluca. Odeio essas indecisões que vejo em alguns personagens. Não quer mais estar em um relacionamento? Termina de uma vez e não volta mais. Quando cheguei na metade do livro, tentei enxergar além do sexo e me concentrar somente na história de amor do casal. 

Como eu geralmente preciso de um motivo muito forte para abandonar a leitura de um livro, continuei lendo Peça-me o que quiser até terminar. Fui percebendo algumas mudança (bem poucas) nas personalidade dos protagonistas. Judith passou a ser menos submissa e Eric deixou de lado (um pouco) seu jeito mandão.  

No final não sabia definir bem minha opinião em relação a essa obra. Resolvi classificar com três estrelas. É um livro ruim? Até que não! É clichê? Sem dúvida! Vale a pena ler? Se você gosta desse tipo de livros e consegue ler sem qualquer senso crítico, ou se você tem curiosidade em relação a essa trilogia, então sim! Em breve terá resenha das continuações aqui no blog. Aguardem! 



25 comentários:

  1. Olá tudo bem?
    Já conhecia a série mas a mesma não tinha me chamado atenção e ao ler a sua resenha pude apenas confirmar as minhas suspeitas sobre ela. Eu sinceramente não curto leituras que englobem apenas sexo, ou como você mesma disse "briga-volta-sexo-termina-volta-sexo" então não sei se leria. Gosto de romances com conteúdo, que não foquem apenas nas relações íntimas do casal e que os personagens tenham personalidades ao invés de serem facilmente manipulados então eu não leria o livro, vou deixar a dica passar.

    beijinhos e sua resenha ficou ótima!

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Gente eu preciso dessa série! Nunca tinha lido uma resenha da mesma, e se antes eu já queria, agora eu preciso!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Oie como vai?
    Sempre vejo um ou outro blog comentando desses livros mas nunca tive muito animo em ler e acho que não terei por enquanto.

    ResponderExcluir
  4. Oi amore,
    Sou louca pra ler esse livro... já vi muitas resenhas dele por ai e a cada uma delas fico mais e mais com vontade.
    Eu diferente de você sou fascinada por esse gênero, então a leitura fica fácil né, ainda mais depois de ler sua resenha, parabéns!

    Beijokas!!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?
    Já vi algumas resenhas, comentários e publicações sobre esse livro em alguns blogs, contudo nunca me cativou. Parabéns pela resenha, o ponto negativo fica pela obra não ter te conquistado totalmente!
    Bjuss

    ResponderExcluir
  6. Oiii Dani tudo bem?
    Infelizmente dessa vez a obra não despertou meu interesse, por isso irei pular a dica. Mas, a sua resenha ficou fabulosa menina! Vou indicar para algumas amigas que iriam amar.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  7. Hey, Dani!

    Definitivamente esse livro não é pra mim.... ahahahaha
    Não sou fã de livros hot, então vou deixar a dica passar.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?
    Já li alguns livros hot e não tenho problema nenhum com eles, mas se tem algo que me irrita, é essa coisa de brigar e sexo... Tem histórias que vivem nisso. Portanto, passarei reto desse livro, mas valeu pela dica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Que penaque a leitura não te prendeu. Eu já ouvi falar muito dessa obra, mas nunca me interessei.
    Não curto livros hots então deixarei a dica passar.
    Espero que os próximos livros dessa série te surpreenda e te deixa presa a leitura.
    Abs e parabens pela resenha ^^

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Eu já tinha visto a trilogia rodando tanto no insta, como no facebook, mas não sabia nada ao seu respeito, nem mesmo que era erótica. Eu normalmente até gosto do gênero, mas para mim tem que haver uma história por trás. Sexo por sexo não me atrai, gosto de ver uma trama sendo construída e de entender o motivo dos personagens serem desse jeito. Por exemplo, ao ler Cinquenta Tons eu pude ver o que levou o Christian a ser daquele jeito, então para mim, fazia sentido o que estava lendo. Pelo que você narrou, isto não acontece nessa história, então, por enquanto, eu passo a leitura.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. "até que vale" HAHAHAHAH
    eu sempre vi comentários positivos desses livros, já me disseram que ele é suuuuuper hot mas lendo sua resenha tenho a impressão que é um 50 tons de cinza com outro nome, sabe? Como eu ainda não li a trilogia 50 tons não posso opinar muito, mas se for tipo o filme já detestei
    Isso de cara mandão e mocinha submissa é um porre

    Duas Leitoras - no Top Comentarista de fevereiro você pode escolher entre 4 livros!

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Já ouvi falar desses livros, mas nunca tive interesse em ler porque não curto muito livros desse gênero. Eu prefiro ler livros de fantasia! UHASUSAHU
    Mas gostei muito da sua resenha! Seu blog é muito lindo!

    ResponderExcluir
  13. Oi Dani,
    Eu adoro romances eróticos, mas é claro que eles tem uma fórmula que já se tornou clichê. Não li nada da Megan. Os próximos livros desse gênero que pretendo ler é Deep (último da série Stage Dive) e Marca da Escuridão, da Sylvia Day.
    Beijos,
    André, do Garotos Perdidos
    Tem sorteio de 2 livros rolando lá no blog. Não deixe de participar :}

    ResponderExcluir
  14. Olá Dani, com certeza essa não é uma trilogia para mim, personagens extremamente submissa me irritam muito e isso somado ao enredo clichê e esse vai e vem do casal já mostra que não seria uma leitura que eu vá curti. Adorei sua resenha =)

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  15. Olás!
    Eu não gosto muito de livros eróticos, na verdade, gosto quase nada, então, estou sempre fugindo de leituras assim, mas achei legal o livro ser mediano - pelo menos foi isso que percebi. É legal ser um livro clichê e, ao mesmo tempo, legal.
    Vou deixar a dica passar, entretanto, pois acho que as chances de eu gostar são remotas rs.
    beijos

    ResponderExcluir
  16. Oi, como vai?
    Já li romances com um apegada erótica e gostei bastante,
    Mas este não me chamou muito atenção.
    Vou passar a dica dessa vez! Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá.
    Eu li Peça me o que quiseres há uns dois anos e odiei a leitura. Eu sou uma grande fã de 50 tons então esperava ser fã deste livro também, mas eu não gostei em nada do Eric. No começo a Judith era uma melhor forte e independente e de repente ela vira uma submissa louca pelo Eric (não tinha nem motivo para isso). Ao contrário de você eu não consegui passar por cima destes detalhes.
    Mesmo assim, adorei a sua resenha e gostei da sua sinceridade quanto a leitura.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  18. OI11

    Ainda não li essa trilogia, mas já li outro livro da autora e gostei da narrativa. Essa briga, ciúme, sexo e etc realmente é bem cansativa e desmotiva qualquer um, entretanto a sua permanência e fidelidade te levou a perceber que no fim há um crescimento na estória. Parabéns por não desistir. Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Oii, tudo bem?

    Não gosto muito do gênero, sempre sinto que largam a história de lado e focam só em sexo, parece que não sabem construir a história. Adorei a sinceridade da sua resenha e admito que reforçou ainda mais minha falta de interesse no livro. Também odeio abandonar livros, precisa de muito para eu fazer isso, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oi Dani,
    Eu ganhei esses livros de presente e eles estão guardados até hoje kkkkkk, já sabia que eram hot, e costumo ler esse gênero com alguns intervalos, não que eu não curta, porque eu curto, mas para um hot ser bom pra mim ele precisa de conteúdo, um romance surpreendente que tenha o sexo como complemento e não protagonista.
    Li algumas resenhas e conversei com algumas amigas que leram a série, e sinceramente não conseguiria me desligar como você fez, por esse motivo eu ainda não li e confesso não ter curiosidade kkkk.

    Beijokas

    ResponderExcluir
  21. Oi Dani,
    Eu tenho uma amiga que adora ler livros Hot e eu apresentei essa série para ela, dando o primeiro livro. Quando ela me contou algumas cenas desisti na hora de querer ler, porque já li alguns livros dessa temática, mas uma coisa mais light e neste livro aqui as coisas são mais pesadas e eu não curto isso não, então mesmo que você diga que vale a pena o que eu não duvido, eu não tenho pretensão de ler... Xero!

    ResponderExcluir
  22. Olá Dani! Bom, eu não sou muito fã do gênero literário de Peça-me o Que Quiser, já cheguei a ler alguns mas poucos ou quase nenhum chegou a chamar minha atenção.

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Hoje em dia é difícil ler qualquer livro que seja sem um senso crítico, apenas por entretenimento, mas de qualquer forma não me interesso pela premissa desse e deixo a dica passar hoje

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Eu gosto de livro eróticos e não tenho problemas em ler o estilo. O que me incomoda é ver mocinhas submissas e mocinhos controladores, eu não consigo aceitar que uma mulher inteligente se coloque nessa posição por amor, ou por uma boa transa, isso se encontra em toda esquina. Não estou recriminando quem gosta, mas considero um péssimo exemplo para nossas meninas.

    ResponderExcluir
  25. Vejo muita gente comentar dessa série, mas não acho que seja o enredo para mim. A história parece muito interessante, só não se encaixa muito no que eu costumo ler.

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo