Uma noite de aventuras. Um casamento inusitado. E uma ardente história de amor...
No impulso de uma noite de diversão e bebedeira em Las Vegas, Evelyn Thomas casou-se com um desconhecido. No dia seguinte, porém, ela se deu conta de que aquilo fora um terrível engano. Então, decidiu manter este pequeno deslize em segredo.
O que Evelyn não sabia era que havia se tornado a esposa do cobiçado David Ferris, guitarrista da famosa banda de rock Stage Dive. Agora, ao retornar para sua casa em Portland, ela terá de enfrentar as perseguições de repórteres, fugir às loucuras das fãs do astro e ainda encarar sua família, que não demonstrou nenhum contentamento com o ímpeto matrimonial da jovem filha.
Será que Evelyn conseguirá resistir às delícias de David a fim de permanecer como “a garota certinha” ou decidirá embarcar nessa glamourosa aventura junto ao marido rockstar?

Romance | 304 Páginas | Editora Universo dos Livros | Skoob | Classificação: 3/5



Desde o começo eu estava bem animada e ansiosa para ler esse livro.  Lick estava há um tempinho na minha lista de leituras, e só consegui ler este ano porque estava com um tempo sobrando entre as outras leituras e a faculdade. O livro foi lido bem rápido por mim, durante o percurso que faço de casa para a faculdade e na volta para casa. A leitura é bem leve e muito fácil, e conquista logo nas primeiras páginas.

No livro somos apresentados a Evelyn Thomas e David Ferris. Eles se conheceram em Las Vegas; o problema é que Evelyn não se lembra desse encontro. A única coisa que ela lembra é de acordar ao lado de um cara desconhecido, com uma puta ressaca. Além disso, ao olhar para sua mãe, Evelyn encontra ali uma aliança enorme, sem saber como ela foi parar no seu dedo. Depois disso, ela descobre que se casou na noite anterior, e como prova disso, ela tem o nome de seu marido tatuado na bunda. Quando já está sóbria, ela precisa enfrentar seus pais e decidir a melhor forma de sair dessa enrascada. O que não será nada fácil para ela. Acontece que o cara que ela se casou é um famoso guitarrista da badalada Stage Dive, e o assunto de seu casamento com Evelyn está circulando pela mídia, virando a vida da jovem de cabeça para baixo.

Junto, Evelyn e David precisam decidir o que fará desse casamento. Antes de assinar os papéis do divórcio, eles decidem passar um tempo juntos, e se conhecerem aos poucos. O problema é que eles passam pouquíssimo tempo junto e já se sentem  atraídos um pelo outro e resolvem deixar o assunto da anulação do casamento para depois e seguir como um casal. Evelyn tem seu futuro todo planejado. Ela é estudante de arquitetura, assim como seu pai. Mas ela ainda tem dúvidas se esse é mesmo o que ela deseja para si; e quando conheceu David, ele a fez questionar-se se o que ela sempre fez foi por ela mesma ou pelo seu pai. David é um astro do rock, que desde a adolescência não conhece outra vida se não a sua como um integrante da Stage Dive. A atração que ambos sentem é bem forte, mas eu não consegui me encantar tanto assim com a relação deles. Tudo foi acontecendo muito rápido. Eu confesso que gostaria de um pouco mais de drama envolvendo o casal. O livro é pequeno, então, não tem muitos conflitos e reviravoltas. Eu queria que a autora desenvolvesse mais o relacionamento deles dois. Mas enfim…

Em suma, o livro é bem legal, tirando essa parte do relacionamento instantâneo, é uma boa leitura. Ele está mais para uma leitura quando você está naquela ressaca literária. Você não deve esperar da obra algo profundo, é mais uma forma de entretenimento do que outra coisa. É divertido, isso eu não posso negar. Eu ainda quero ler os próximos livros: Play contará a história de Mal, um dos integrantes da banda, e estou até curiosa para saber como a autora desenvolverá a história do rapaz. 



13 Comentários

  1. Tudo bem? Boa resenha, apesar de que eu não curti muito o livro, não parece o meu tipo de leitura. Acho que não sou tão romântico para curtir histórias de amor à primeira vista rsrsrs
    Passa a dica ;)

    ResponderExcluir
  2. Achei a capa bonita, mas o título estranho. Não gosto muito quando o relacionamento é superficial, sinto falta de conhecer melhor os protagonistas. Sair jogando assim é estranho. Acho que vou deixar a dica passar dessa vez. bj!

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Tem muitos livros que desisto de ler por conta desses romances instantâneos, como tem nesse livro. Acho que os autores deveriam trabalhar isso de uma outra forma, pois não funciona e tals.
    No mais, o livro parece ser legal apesar de eu ter achado a capa feia rs.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá! Esse enredo é bem parecido de um livro que eu li, a diferença é que o cara é um mega ator e ela uma médica...Premissa semelhantes. Deu para perceber que deve ser uma leitura divertida, também não curto relacionamento relâmpagos, quem sabe leio um dia, beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oieee
    Eu fico numa relação de amor e ódio com esses livros.
    Mas faz um tempinho que não leio
    Vou dar uma chance

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?

    Ultimamente tenho lido bastantes livros com essa pegada e confesso que tenho gostado bastante, eles sempre conseguem me prender do início ao fim e mesmo tendo a mesma fórmula, eu curto a leitura de uma maneira estranha. Fiquei com muita vontade de ler este livro, então vou correndo procurar! Adorei a resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem??
    Eu fiquei bem curiosa com a história, porque adoro uma história que tem banda e música juntos.... eu imaginei que fosse algo mais simples, mas eu adoro ler histórias assim. Fiquei bem interessada na leitura... adorei a sua resenha. Xero!

    ResponderExcluir
  8. OOi!
    Esses livros estão entre meus desejados já há um tempão. haha Amo a premissa deles, e os elogios que leio me animam ainda mais. Parece ser um romance bem leve e muito divertido. Espero lê-lo em breve :)

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?
    Eu adorei esse livro, mesmo sendo um pouco clichê em alguma cenas, me diverti muito com a leitura!!!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  10. Oi Dani, sua linda, tudo bem?
    Estou louca para ler essa série desde o seu lançamento, pois gosto muito de tramas com rock stars. Que pena que o livro não é tão profundo assim, mas pelo menos é uma trama divertida e perfeita para os momentos de ressaca. Vou querer ler sim. Gostei muito da sua sinceridade, a resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Gosto muito de ler romances assim, mas acho bem difícil de engolir quando se tem um relacionamento instantâneo do tipo "nunca te vi sempre te amei", fica complicado da gente se encantar com os personagens. De toda forma quero ler só para saber o que essa moça bebeu para acabar casada e a bunda tatuada, kkkkkk
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Dani, acho as capas da série da qual faz parte este livro lindas e estou doida para ler e quando vc ressalta que ele conquista de cara, pronto já me convenceu e ainda está todo permeado de música que uma das minhas paixões.

    Bjs
    Tânia Bueno

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Eu adorei sua resenha :) Amoooo demais esse livro, mas o meu preferido é o segundo, "Play". Mal posso esperar para ler os outros.

    Bjs!

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!