18 de outubro de 2017

5 motivos para ler "O ódio que você semeia"


Semana passada li um livro maravilhoso, que me tirou um pouco da minha zona de conforto e me obrigou a questionar mais uma vez o mundo em que vivo. Estou falando de um dos melhores lançamentos deste ano. O livro foi escrito pela Angie Thomas e publicado aqui no Brasil pela Galera Record

Quando terminei a leitura, precisava falar com alguém sobre o livro. Ficava pensando em tudo o que li, em todos os ensinamentos presentes no livro; em tudo de bom que o livro trouxe. Tenho percebido que muitas pessoas já leram o livro e amaram, assim como eu. Vejo muitos falando sobre a obra. E, hoje trouxe cinco motivos para você se apaixonar por "O ódio que você semeia" e querer lê-lo imediatamente. 


Leia também a resenha do livro:


1. A história 

Esse é o ponto central do livro: a luta e os desafios que a população negra enfrenta. A protagonista mora em um bairro muito perigoso, onde há a presença de gangues, assassinatos e consumo de drogas. Fala sobre a opressão que essa minoria vive. Do preconceito por parte de todos, do sofrimento que eles precisam enfrentar todos os dias. Fala da forma como eles são enxergados pela polícia. Como o fato das pessoas pensaram que todo negro que mora em periferia é bandido. Demostra que a maioria dos assassinatos são de pessoas negras, pelo fato de serem confundidos com criminosos.

2. Os personagens 

Um dos pontos altos desse livro são os personagens. Eles são incríveis, reais, nos causam empatia. Nos colocamos em seus lugares, nos identificamos com eles e pelo problemas que eles enfrentam. Eles têm problemas reais, dúvidas, medos; sofrem, tem seus momentos alegres e de dor. Tem aqueles que aprendemos a amar, e aqueles que odiamos, que nos irritam.

3. É um soco no estomago

Sabe aquele livro que desperta em você um sentimento de injustiça? Que você passa a se perguntar como podemos viver numa sociedade como essa. Como existem pessoas que julgam os outros apenas pela cor de sua pele. Como é possível que algumas pessoas ainda enxergam como se ainda vivêssemos na época da escravidão, onde os negros eram considerados como lixo. Em que os negros eram considerados como pessoas inferiores, e não humanos.

4. É verdadeiro

O livro retrata muito bem as dificuldades que a população negra enfrenta. O leitor consegue através dos relatos da Starr “saber” como é viver numa periferia, tendo que conviver juntamente com traficantes, tendo que se manter longe de problemas, mesmo quando eles parecem bater a sua porta. Algumas pessoas, durante a leitura, também vão perceber como são privilegiados. Como tem sorte de morar em um bom bairro, como são privilegiados por terem uma boa educação, uma boa família, como suas condições são melhores que outras. Ainda fala sobre pequenas coisas que fazemos, piadas que falamos que são de uma forma racistas, mas não enxergamos. O livro menciona muito Tupac, os Panteras Negras, as lutas dessas pessoas por igualdade, por respeito. De pessoas que foram presas ou perderam suas vidas lutando por uma causa.

5. Família é tudo

Família é tudo em nossas vidas. Ter uma boa base familiar faz diferença na vida de uma criança. Nesse livro, a família de Starr é essencial na vida dela e no desenvolvimento do caráter da jovem. Os pais dela são exemplos para ela. Mesmo o pai sendo um ex-presidiário, ele teve a chance de vencer na vida, de mudar pelo bem da família. A mãe é uma mulher incrível, sempre aconselhando a filha a fazer o que é certo, a não ter medo e a ser corajosa. Tem também o tio de Starr, que criou a sobrinha quando o pai dela estava ausente. Ele deu amor, protegeu, cuidou dela com todo o carinho e dedicação.


Foram apenas cinco motivos, mas eu queria ter dito muito mais sobre o livro. Espero que vocês tenham gostado e se interessado em conhecer um pouco mais do obra. 




25 comentários:

  1. Oii!!
    Adorei o seu post! Não conhecia esse livro ainda, mas depois de seu post, fiquei com muita vontade de ler. Gosto de livros que tratam sobre esse tema. Li "O sol é para todos" e recomendo bastante também.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oii Dani tudo bem?
    Fiquei extremamente interessada em ler esse livro garota, gosto de tudo que é tipo de livro que nos passe uma mensagem e nos faça abrir os olhos, esse parece ser assim e não vejo o porque de lê-lo. Adorei saber a sua opinião.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. LI algumas resenhas sobre este livro e tenho que admitir que o quero mais que tudo. Um despertar para muitos que dormem eu diria. Espero poder ler e refletir em tudo que eu sou falha em relação ao preconceito. Soco no estomago as vezes é necessário.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá, nem todas as resenhas desse livro me tocou mais como esse seu post, eu quero muito ler esse livro, mais do que nunca agora. Parabéns pelo seu post

    ResponderExcluir
  5. Oie...
    Você realmente amou esse livro, heim? Semana passada li sua resenha toda apaixonada <3
    Estou com esse livro pra ler e seus comentários me animaram ainda mais a realizar a leitura! Sem dúvida você levantou argumentos bastante interessantes e que nos faz querer pegar o livro pra ler.
    Bjo

    ResponderExcluir
  6. Oi Dani, eu mesma já tenho pensado em ler, e depois de ler estes seus motivos, não tenho como dizer não...
    Bjs, ose

    ResponderExcluir
  7. Olá! Ainda não tinha lido nada a respeito desse livro, mas achei muito interessante a lista que você criou para chamar a atenção do leitor. Fiquei realmente instigada a conhecer essa história até porque o título já é bem impactante e abre muitas vias de interpretação.
    Obrigada pela dica!! =D

    ResponderExcluir
  8. Hey!

    Eu ainda não tive o privilégio de ler o livro, mas tenho ouvido muita coisa boa sobre ele. Gostei muito da forma como você dividiu os pontos e realmente me convenceu a ler a obra, espero poder apreciar em breve.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi! Ainda não tive a oportunidade de realizar a leitura desse livro mas tenho visto muitos elogios sobre a obra. Já sabia que ele falava sobre racismo, mas fiquei ainda mais encantada quando vi que também fala sobre família, ela é mesmo muito importante na vida de uma pessoa e tem sido cada dia mais dificil encontrar uma família bem estruturada, o que é uma realidade muito triste.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Vi a divulgação do Grupo Editorial Record com esse livro e fiquei logo com vontade de ler. A história parece incrível e muito tocante. A protagonista Starr me tocou com sua atitude. Palmas!!
    E vai ter filme, não é???
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Crislane.

      É incrível mesmo. E vai ter filme sim. Estou bem empolgada!

      Beijos.

      Excluir
  11. Oie!
    Ainda não tive a oportunidade de ler o livro, mas achei a história interessante. com certeza será uma ótima trama, e depois da sua postagem com os cinco motivos, fiquei mais interessada.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  12. Oi. Tudo bem?
    Desde que fiquei sabendo desse livro, eu fiquei com muita vontade de ler, pois trabalha com temática bem interessante e necessárias. Mas depois de ler os 5 motivos, eu fiquei mais do que com vontade ler o livro. Conseguiu me convencer. Quero muito ler. Adorei o seu post.
    Abraço 😀

    ResponderExcluir
  13. Eu estou muito curiosa com este livro porque sei que será uma leitura que ira agregar e me fazer sentir uma pessoa melhor após terminar. Os motivos que você me deu me deixaram ainda mais empolgada!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Eu já tava louca pra ler esse livro sem saber esses motivos, agora eu já tô com a página da Amazon aberta hahaha obrigada <3 tô super ansiosa por essa leitura

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem?
    Eu estou louca para ler esse livro há meses e, finalmente, meu exemplar chegou essa semana. Vai ser uma das minhas próximas leituras, ainda mais depois de ler o seu post.
    Acredito que seja uma leitura muito difícil, mas necessária. Adorei saber que os personagens são tão reais e que a autora construiu uma história tão verdadeira, apesar de ser triste pensar que essa é a realidade. Além disso, gostei de saber que a autora ainda reforça a importância da família.
    Enfim, seu post me deixou ainda mais ansiosa e estou com uma expectativa muito alta. Acredito que irei amar a leitura também.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Oie!
    Esse livro está na minha lista de desejados faz um tempinho. Não vejo a hora de comprar o meu. Os seus 5 motivos apenas atiçou ainda mais esse meu desejo de ler logo o livro. Esses livros são extremamente necessários, ainda mais em época em que tem gente que acha que racismo é mimimi, que não existe. Tem muita gente precisando levar muitos socos no estômago para enxergar a realidade.
    Como você gostou desse livro, creio que você também irá gostar da série Dear White People da Netflix.

    Bjs.

    www.ciadoleitor.com

    ResponderExcluir
  17. Acho fantástico quando sentimos essa necessidade de conversar sobre um livro lido. Isso significa que o livro foi bom. Gostei muito da proposta da obra, muito pertinente para o nosso contexto atual. Dica anotada.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  18. Ao meu ver esse livro deve ser lido por muita gente. A cada dia que passa fico abismada ao ver o que está acontecendo com o ser humano! A mente de algumas pessoas não evolui e parece que sente prazer em semear o ódio. Somos todos iguais independente da cor da pele. Amei a indicação por todos esses motivos que você apresentou!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Oie!
    Menina, quando li a sinopse desse livro ele já foi direto pra minha lista, nem precisava de motivos a mais. Mas agora que li seu post (LINDO, por sinal), tô colocando prioridade altíssima nesse exemplar. Verdadeiro, emocionante, tudo que procuro em uma leitura.

    ResponderExcluir
  20. Oiii tudo bem??

    Eu não estava interessada nesse livro, acreditei que talvez fosse um pouco mais de tudo que ouvimos, mas comecei a ouvir uma opinião aqui, outra opinião ali, e acabei me interessando e vi que era muito mais complexo que imaginei.
    Fiquei com bastante vontade de ler e sua resenha so me deixou com mais vontade.
    Adorei,
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  21. Eu não conhecia esse livro, mas gostei muito da ideia da postagem. Parabéns viu!!!
    Fiquei curiosa para ler essa história que me pareceu um alerta contra as injustiças sociais.
    Que bom que a protagonista tem uma base familiar forte e isso acaba inspirando os leitores a valorizarem os seus.
    Enfim gostei de conhecer um pouco mais sobre o enredo de 'O ódio que você semeia' valeu pela dica.

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  22. Olá
    meu deus, você não faz ideia o quanto eu quero esse livro, e depois desse post é impossível não querer ainda mais. Adorei esse lançamento já que ainda é retratado tão pocuo e de forma leve e aberta para os jovens então imagino que seja a leitura

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Ainda não conhecia o livro, mas adorei o tema central.
    Sempre fico me perguntando a mesma coisa: como que as pessoas julgam umas as outras só por causa do to da pele.
    Fiquei curiosa para conhecer cada personagem dessa estória, e espero gostar tanto quanto você.

    ResponderExcluir
  24. Olá!
    Eu já ouvi falar muito bem desse livro e só pelo título já podemos perceber que é daquelas obras bem impactantes na nossa vida, não é mesmo? Eu adorei esses motivos, com certeza só nos deixou com mais vontade ainda de conferir a obra.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo