23 de novembro de 2017

[RESENHA] Confesse - Colleen Hoover


Um romance sobre arriscar tudo pelo amor — e sobre encontrar seu coração entre a verdade e a mentira. Da autora das séries Slammed e Hopeless. 
Auburn Reed perdeu tudo que era importante para ela. Na luta para reconstruir a vida destruída, ela se mantém focada em seus objetivos e não pode cometer nenhum erro. Mas ao entrar num estúdio de arte em Dallas à procura de emprego, Auburn não esperava encontrar o enigmático Owen Gentry, que lhe desperta uma intensa atração. Pela primeira vez, Auburn se vê correndo riscos e deixa o coração falar mais alto, até descobrir que Owen está encobrindo um enorme segredo. A importância do passado do artista ameaça acabar com tudo que Auburn mais ama, e a única maneira de reconstituir sua vida é mantendo Owen afastado.
Jovem Adulto | 320 Páginas | Colleen HooverCortesia Galera Record | Skoob Classificação: 4/5 | Compre: Submarino  •  Fnac  •  Livraria Cultura | Leia um trecho   


Nunca é fácil começar uma resenha dos livros da Colleen Hoover. Sou apaixonada pelos livros dessa autora, e a cada novo lançamento, eu sei que esse amor vai crescer. Antes de começar a leitura desse livro, fui avisada sobre sua narrativa devastadora, no entanto, no final da leitura, não tive o mesmo sentimento que os outros leitores.

O livro gira em torno da história de Auburn e Owen. O livro começa com um prólogo nos apresentando a protagonista. De início, você já sabe que a leitura será emocionante – assim como todos os livros da Colleen. Auburn se apaixonou perdidamente aos 15 anos, mas, infelizmente, esse amor não durou muito devido à morte de seu namorado. Anos depois, a jovem está de volta a mesma cidade onde se despediu de seu amor pela última vez. A vida da garota não é das melhores: ela tem uma profissão que a faz infeliz, está longe de seus pais e sua situação financeira não vai nada bem. Em um de seus momentos tristes ela conhece Owen. Ele é dono de uma galeria de arte no Texas e, quando a vê, parada em frente à galeria, lendo uma das confissões, ele a contrata para trabalhar naquela noite. Mesmo não conhecendo o homem, Auburn aceita a oferta, já que isso significa mais dinheiro para ela.  

O livro é narrado em primeira pessoa e conta o ponto de vista dos dois personagens. É bem legal dessa forma, pois podemos saber detalhes sobre a vida, tanto de Auburn, como de Owen; assim como os segredos que eles escondem. É claro que a autora cria um certo suspense para revelar os tais segredos. Contudo, quando revelados, confesso que espera algo mais chocante. É claro que, como estamos falando de um livro da Colleen, sempre vai existir algo ou alguém que tenta atrapalhar a felicidade do casal. 



Voltando a falar sobre os segredos que ameaça a felicidade de Auburn e Owen, achei bem mais interessante a forma como a autora construiu o segredo que Owen esconde de Auburn. Eu imaginava algo bem diferente do que foi revelado no final; não foi tão previsível quanto o segredo da protagonista. Mesmo não tendo me surpreendido tanto com os segredos e com a narrativa, eu curti muito a leitura. É envolvente, o leitor fica instigado a conhecer mais sobre os protagonistas e descobrir o que eles escondem. Sendo um livro da Colleen, os personagens trazem na bagagem algo do passado, algo que tentam superar. E, é claro que eles conseguem superar essas dificuldades e os traumas com a ajuda de seu parceiro. Encontramos isso em quase todos os livros da autora. Ela sempre trabalha em cima de algum tema. Aqui podemos ver sobre o uso de drogas, depressão e relacionamentos abusivos. 

O romance entre o casal foi bem desenvolvido. Essa é uma das coisas que mais amo nos livros da autora: a forma como ela cria seus personagens, a forma como ela faz nascer o amor entre os personagens. Amor esse que é baseado em confiança, em amizade. Aquele sentimento onde a pessoa se entrega de corpo e alma. Outra coisa que amei nesse livro é a forma como Owen se inspira para criar seus quadros: ele recebe anonimamente confissões de pessoas que passam pela galeria. São pessoas que veem uma chance de confessar algo que eles nunca contariam a alguém. Essa parte foi muito bem pensada pela Colleen Hoover.  

De certo modo, Confesse não foi a leitura mais emocionante que fiz dos livros da Colleen, no entanto, foi uma leitura agradável e envolvente. Gostei muito da narrativa, mas não o suficiente para favoritar.







14 comentários:

  1. Olá Dani!
    Realmente falar dos livros da CoHo não é fácil, principalmente por serem tão carregados de sentimentos e esbanja talento.
    Confesse é um livro com muitas nuances e até mistérios, mas apesar de gostar muito dessa trama também não é meu livro favorito da autora.
    Adorei sua resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Preciso ler algo da autora, devido a toda aclamação que a cerca. Mas algo que vi em quase todas as resenhas que li deste livro em particular é que ele não é o melhor da autora, então talvez eu deva me aventurar por algum outro e depois quem sabe ler Confesse.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Confesso que estou adiando conhecer os livros da Collen Houver já tem um tempo
    mas ela está na minha lista de leituras para 2018

    Adorei o seu blog
    Beijos
    https://florescendolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Ho gente me amarra com todos os livros da Collen no rosto, tenho todos e nunca li nada dela mas e minha meta de 2018...
    Mandei o link da sua ótima resenha para a Hoovers da equipe elas tbm amaram o seu desenrolar da resenha.
    Beijos
    Anne

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Tenho quase todos os livros já lançados aqui no Brasil da autora, porém ainda não li nenhum, acredita? Pretendo ler em breve as obras dela, pois é uma autora que está sendo bastante elogiada. Adorei a resenha!

    Beijos,
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Ola, eu amo os livros da colleen sou apaixonada por essa autora e eu necessito ler esse livro sua resenha aumentou e muito a minha vontade de ler esse livro

    ResponderExcluir
  7. Olá!!!

    Falar dos livros da Collen é sempre difícil mesmo, a mulher escreve muito. Mas achei de todos os livros dela que eu li esse o mais fraquinho não é uma leitura ruim, na verdade também achei bem agradável, mas eu fui esperando mais, ou seja, a maldita expectativa de novo. Adorei seu ponto de vista se eu já não tivesse lido iria correndo conferir.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. oieee
    CoHo é muito rainha né, também acho complicado falar assim sobre as obras dela, são muitos sentimentos, muitas histórias marcantes, eu adorei essa obra e a edição está maravilhosa, adorei suas fotos

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bem?! Apesar de amar os livros da CoHo, confesse, para mim, é um livro super estimado.
    Exatamente pelo teor dos mistérios me senti meio enganada esperando coisas muito mais assombrosas rsrsrsrs.
    Mas estamos falando da rainha do drama e eu simplesmente amo uma boa sofrência durante a leitura.
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Olá! Tudo bom?
    Gente sempre ouço falar dessa autora, já me indicaram milhões de vezes, mas por algum motivo nunca leio, porém adorei sua resenha.
    beijos, Joyce de Freitas.

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li nada da autora, mas só escuto elogios ao trabalho dela. Gostei de conhecer um pouco dessa história. Parabéns pela leitura e que pena que suas expectativas não foram 100% alcançadas.

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Que bom que a autora consegue te agradar a cada livro, infelizmente os livro que ela escreve não é muito meu estilo de leitura, até gosto de um drama de vez em quando, mas drama demais me irrita.

    ResponderExcluir
  13. Esse livro é lindo, mas dos da autora o que me é favorito é o lado feio do amor. Concordo com você, não esperava aquele segredo do Owen, mas o da Auburn era meio óbvio.
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Dani,
    Ainda não li esse livro, mas estou muito curiosa para ler, pois todos que leram amaram a leitura. Fiquei um pouco triste por a leitura não ter te agradado tanto assim, sabe? Mas intrigada para saber o que vou achar, principalmente, do segredo do mocinho, que parece ser chocante.
    Vou anotar a dica.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo