4 de janeiro de 2018

[RESENHA] Amante Renascido - J. R. Ward


A série internacional de vampiros Irmandade da Adaga Negra, de J.R. Ward, já conta com onze volumes e é um dos principais sucessos do gênero. Em “Amante Renascida”, o leitor conhecerá a história de Tohrment. Fisicamente abalado e com o coração partido desde a morte de sua shellan, o vampiro é levado de volta à Irmandade e está prestes a enfrentar uma nova tragédia.
Ao descobrir que sua amada está na verdade presa em um submundo frio e isolado, Tohr procura o anjo Lassiter na esperança de salvá-la. No entanto, quando Lassiter lhe diz que ele precisa aprender a amar outra fêmea para libertar sua antiga parceira, Tohr percebe que eles estão condenados para sempre.
Mas ele não esperava que uma mulher intrigante e sexy começasse a mexer com seus instintos adormecidos. Em meio a uma guerra violenta contra os redutores e um novo clã de vampiros competindo pelo trono do Rei Cego, Tohr divide-se entre o amor antigo e um futuro arrebatador. Será que ele se entregará a essa nova paixão e conseguirá libertar a todos?
Romance Adulto (+18) | 704 Páginas | Editora Universo dos Livros | Skoob | Classificação: 3/5 


Leia as resenhas de todos os livros da série clicando aqui

A resenha pode conter spoilers dos livros anteriores

Para aqueles que leram os livros anteriores, sabe que Tohr perdeu sua shellan e, que depois disso, seu mundo desmoronou. Ele perdeu a vontade de viver, se afastou de seus amigos, e ficou desaparecido por um longo tempo. Em um determinado momento, ele foi encontrado pelo anjo Lassiter. O anjo diz a Tohr que Welsie estava presa no limbo e somente ele poderia salvá-la. Para isso ele precisaria entregar seu coração a outra mulher. Tohr não aceita, para ele, Welsie era única e não se imagina se envolvendo com outra pessoa.  Lassiter insiste que só dessa forma Welsie e seu filho poderiam ser libertados. No’One acha que merece sofrer. Ela serve as escolhidas do outro lado, mesmo sabendo que não precisa. Quando aceita Tohr em sua vida, ela sabe que ele não a ama, mesmo assim, aceita se entregar a ele dia após dia. Para ela, ele nunca a amará, e ela acha que ela não merece o amor do guerreiro.

Eu até que estava ansiosa para ler esse livro. Queria saber como o guerreiro retornaria a sua antiga vida, como ele faria para se reerguer e voltar a ser o que era antes. Ambos os personagens estão cheios de dor, e buscam desesperadamente algo que os liberte desse sofrimento. Ambos carregam marcas difícil de serem curadas. É bom ver o quanto um faz bem ao outro, o quanto eles se entregam – mesmo resistindo. Tohr é um guerreiro forte que não vê mais um sentido na vida, contudo, ele continua sendo um irmão para a Irmandade da Adaga Negra e o único pai que John conheceu.  É possível sentir um pouco de raiva de Tohr, ainda mais pelo tanto que ele resiste ao sentimento que passa a sentir por No’One. Ele basicamente usa a mulher para salvar Welsie e seu filho, e isso faz com que fiquemos bem incomodados com as atitudes dele. Seu único pensamento é sua shellan, e salvá-la.

Sendo um livro da Ward, ainda tem as histórias paralelas. Gosto muito das cenas, ainda mais quando aparecem os meus personagens favoritos. Nesse volume tive a chance de ver um pouco mais de um dos casais que mais gosto nessa série: Blay e Qhuinn. Desde o começo eu fiquei apaixonada por eles, e torcendo muito para que eles ficassem logo juntos. O bom é que o próximo livro será sobre eles. Também temos um pouco mais de Xhex e John, e a possibilidade de conhecer mais do Lassiter e, eu digo que adoro esse anjo. Ele é maravilhoso e me divirto muito com ele. Xcor ganha destaque como o líder do Bando de Bastardos e, se antes eu não gostava muito dele, depois desse livro, comecei a ter um certo carinho pelo personagem.  

Amante Renascido talvez não tenha sido um dos melhores da série e nem o meu favorito, mas até que eu gostei da narrativa. O livro continua tendo uma trama sensual, com ótimas cenas de lutas e muito romance.  







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo