26 de fevereiro de 2018

[RESENHA] A melodia feroz - Victoria Schwab

Kate Harker e August Flynn vivem em lados opostos de uma cidade dividida entre Norte e Sul, onde a violência começou a gerar monstros de verdade. Eles são filhos dos líderes desses territórios inimigos e seus objetivos não poderiam ser mais diferentes. Kate sonha em ser tão cruel e impiedosa quanto o pai, que deixa os monstros livres e vende proteção aos humanos. August também quer ser como seu pai: um homem bondoso que defende os inocentes. O problema é que ele é um dos monstros, capaz de roubar a alma das vítimas com apenas uma nota musical. Quando Kate volta à cidade depois de um longo período, August recebe a missão de ficar de olho nela, disfarçado de um garoto comum. Não vai ser fácil para ele esconder sua verdadeira identidade, ainda mais quando uma revolução entre os monstros está prestes a eclodir, obrigando os dois a se unir para conseguir sobreviver.
Jovem Adulto | 384 Páginas | Victoria Schwab | Duologia Monstros da violência #1 | Editora Seguinte | Skoob | Classificação: 5/5 


Como eu amo os livros da Victoria Schwab! A primeira vez que eu ouvi falar sobre a autora, eu pensei que não gostaria dos livros dela, eu nem dei muita atenção e acabei deixando passar um livro dela que foi lançado pela Galera Record. Um tempo depois eu recebi a proposta de ler “Um tom mais escuro de magia” e foi aí que eu me apaixonei pela escrita dessa mulher. Schwab possui uma narrativa irresistível e maravilhosa. É impossível você não se apaixonar pelos livros dela; você não querer ler mais livros dela. Assim que você lê o primeiro livro, você vai querer ler todos que ela já escreveu e vai escrever. Foi isso o que aconteceu comigo: assim que eu li o primeiro livro dela, surgiu essa paixão pelos livros da autora. Assim que eu vi que a Editora Seguinte lançaria essa duologia, eu fiquei extremamente ansiosa para ler os livros. Como a editora lançará o segundo livro em breve, eu tive que correr e ler logo esse primeiro volume.

Neste mundo criado pela Schwab, a Cidade V é dividida entre o Norte e Sul. Depois de muito tempo em guerra, houve um acordo de paz entre os líderes, Harker e Flynn. Enquanto de um lado temos uma cidade onde os monstros são controlados por Callum Harker, e as pessoas precisam pagar pela sua segurança; do outro lado temos uma parte mais pobre da Cidade V. Henry Flynn sempre lutou contra os seres que assombram a população. Esses seres são conhecidos como: Malchais, Corsais e os Sunais. Este último sendo uma raça rara, já que eles possuem uma aparência humana e, ao contrário dos outros tipos, eles se alimentam da alma de pessoas ruins; para isso, eles só precisam tocar ou cantar uma melodia.

Muitos humanos são monstros. E muitos monstros sabem se passar por humanos.”

Conhecemos Katherine Harker, filha única de Callum. O único desejo de Katherine é voltar para casa. Ela já ficou muito tempo longe, sempre entrando e saindo de escolas. A cada nova escola que ela entra, ela dá um jeito de ser expulsa. Isso é uma forma dela fazer seu pai entender que ela deseja estar em casa e mostrar para ele que ela é uma Harker, e que não é nada parecida com a mãe. Já August Flynn é um Sunai e filho adotivo de Henry. Seu desejo é ser parte da FTF, A Forca-Tarefa do Sul, mas seus pais não querem que ele se envolva. Alguns conhecem a existência dos três últimos Sunais, mas ninguém conhece a identidade de August. Quando Katherine retorna para casa e se matricula na Academia Colton, Henry faz com que August entre no mesmo lugar e fique de olho na garota. Caso a trégua se quebre, Katherine é a melhor chance de todos.

August sempre ouviu sobre os Harkers e tem Kate como sua inimiga, ainda mais se ela for tão parecida com o pai. Mas, quando eles se conhecem na escola, e algo inesperado acontece, eles precisam recorrer a ajuda um do outro. August e Kate precisam esquecer por um momento que são inimigos e se ajudarem se quiserem continuar vivos. Agora, eles precisam aprender a confiar suas vidas um no outro, e ainda descobrir quem está tentando tomar o controle da cidade e começar, novamente, uma guerra.

Quando alguém aperta um gatilho, dispara uma bomba, faz um ônibus cheio de turistas cair da ponte, o resultado não são apenas escombros e cadáveres. Existe outra coisa. Algo mau. Uma consequência. Uma repercussão. Uma reação a todo o ódio, dor e morte.”

Logo no início, conhecemos melhor cada personagem e suas motivações. Entendemos porque Kate está tão decidida a mostrar ao pai do que ela é capaz. Ainda entendemos os sentimentos de August sobre o fato dele ser um Sunai. O garoto não deseja ser visto como um monstro; ele não deseja ferir ninguém, ainda mais se for uma pessoa inocente. Kate, apesar de se mostrar como uma pessoa fria e sem sentimentos, possui um bom coração e se preocupa com as pessoas. Os dois me lembou muito os protagonistas de “Um tom mais escuro de magia”, eles são fortes, mas, ao mesmo tempo, possuem suas fraquezas, medos e inseguranças. Eles tentam se manterem firmes e fazer o que for melhor para todos, mas nada impede que eles caiam em algum momento. Outra coisa parecida com o livro que mencionei acima, foi que, nesse livro não teve romance. Não teve nenhum envolvimento romântico entre os protagonistas. Quando iniciamos a leitura, até pensamos que, em algum momento do livro, eles ficarão juntos, ou que rolaria ao meno um beijo; mas isso não acontece. A autora focou somente no desenvolvimento dos personagens e da trama.

Em suma, A Melodia Feroz foi uma leitura maravilhosa. Ao terminar o livro eu queria muito que o segundo livro já estivesse disponível. O livro tem um final em aberto que me deixou ansiosa pela continuação. Estou querendo muito saber como a autora desenvolverá a trama do segundo livro. Eu ainda preciso dizer que a escrita da Victoria Schwab continua perfeita, e que se você ainda não é fã da autora, você, com certeza, vai ser depois de ler os livros dela.






 

16 comentários:

  1. Olá. Eu super curto a autora. Melodia feroz é totalmente meu número. Esse livro em especial eu não esperava muito e fiquei muito grata ao ver que ele superou minhas expectativas. Adorei as reviravoltas que a história trouxe é o tanto que a Leiria fluiu de maneira rápida.

    Beijos.
    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Oiee Dani ^^
    Eu ainda não li "Um tom mais escuro de magia", mas como adorei a escrita da autora em "A melodia feroz", virei fã...haha' Parece que o segundo livro sai agora em março, né? Dizer que estou ansiosa é pouco...haha'
    Gostei muito da história e dos personagens - adoro histórias que beiram a fantasia e onde os personagens principais são opostos, como é o caso aqui e em "Crave a marca", da Veronica Roth ♥
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  3. Eu amei esse livro! Nunca li um tom mais escuro de magia, mas amei os personagens todos. A leitura é daqueles que não te deixam desgrudar, fiquei muito afim de ler o segundo logo que acabei esse, mas demorou um pouquinho, vai sair por agora só. Mesmo assim estou ansiosa pela continuação! <3
    Verdade a questão do romance, e eu gosto quando focam apenas na trama, ainda mais com um enredo desses, né!?

    Beijos,

    ResponderExcluir
  4. Oi Dani! Gostei muito do enredo e achei super original! Já quero ler pra saber o que acontece. Obrigada pela ótima dica!

    /Juliane
    Ler, Resenhar e Postar

    ResponderExcluir
  5. Essa mulher é maravilhosa demais, como não amar? Li Um tom mais escuro de magia e fiquei completamente encantada pela escrita da autora, ganhou espaço no meu coração. Espero poder acompanhar essa outra série logo logo.

    ResponderExcluir
  6. Já havia ouvido falar das obras dessa autora, mas nunca tinha parado para ler mais a respeito. Gostei. Sem falar que gostei também do enredo do livro. Vou considerar ler ele assim que possível. E também vou dar uma olhada no outro que você citpu sobra magia. Anotado ambos os títulos. : )

    @leitoraconectada

    ResponderExcluir
  7. Nunca li nada da Victoria, mas já ouvi falar do outro livro que leu. Mas confesso que fiquei questionando se comigo funcionaria um livro em que não existe nenhum envolvimento romântico, acho que nunca li nada assim, então isso é o suficiente para me fazer querer ler e descobrir. Sem dizer que me chamou muito a atenção quanto ao quote que fala sobre humanos e monstros, perfeito. Dica anotada.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Dani!

    Tudo bem? Eu nunca li nada da Victoria, mas conheço as obras por causa de resenhas (tanto nacionais quanto gringas!) e honestamente não tenho vontade nenhuma de ler A Melodia Feroz por causa dos "mas" que já li referentes à narrativa/trama.

    Fico feliz que o saldo final tenha sido positivo, mas infelizmente vou passar a dica desta vez. Tomara que o segundo seja tão bom quanto e que não te decepcione!

    Beijinhos - Jessie
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  9. gostei muito de conhecer o livro nao aconhecia a autora acredita mas me interessei muito por esse livro o enredo pelo que li parece ser bom...
    BLOG♥ Coisas da bueno

    ResponderExcluir
  10. Olá
    Conhecia o livro mas não sabia do que se tratava e puxa, fiquei com muita vontade de ler agora. Achei um enredo bem diferente e quero muito acompanhar a histórias desse casal.
    Beijuh

    ResponderExcluir
  11. Olá Dani,
    Estou com esse livro na estante e bastante curiosa para fazer essa leitura. Adorei conhecer suas impressões e já vou me moitar para ter o segundo volume, já que o final do primeiro é aberto.
    Eu confesso, entretanto, que não entendi muito bem a divisão e funcionalidade da Cidade V, mas adorei o que motiva a Kate, apesar de querer entender isso de uma forma mais completa.
    Vou super anotar a dica e espero gostar como você gostou.
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  12. Esse livro se tornou um fenômeno entre os leitores e apesar de eu não curtir fantasia ou sobrenatural, fiquei curiosa porque só tenho lido elogios. Quero ler, mas vou esperar todos os livros serem lançados.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oi, Dani

    Eu li o livro, mas não curti tanto. Estava esperando algo mais impactante, mas achei juvenil demais. Porém, lerei a continuação para ver como as coisas vão terminar. E ao contrário de você não achei os protagonistas parecidos com os de UTMEdM não, achei bem diferentes. Rsss

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  14. Olá Dani...
    Eu tenho muita curiosidade para ler esse livro, nunca tive a oportunidade de ler nenhum livro da autora e confesso que a sua resenha aguçou ainda mais a minha curiosidade, apesar que, acho que para eu realizar a leitura dessa obra tenho que esperar o lançamento do segundo, tenho um certo problema de ansiedade com livros de finais abertos.

    beijos,
    Mayara

    ResponderExcluir
  15. Oiiii,

    Eu leio a tempos coisas maravilhosas sobre este livro é até hoje não criei vergonha na cara de comprar para ler rs. Sempre fique curiosa para saber o que leva a divisão e como as coisas se dão a partir disto, espero que este ano eu consiga comprá-lo e finalmente descobrir porque todo mundo adora está obra.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  16. Já tinha visto o livro outras vezes, mas confesso que nunca tive muito interesse em ler ele. Agora conhecendo melhor a trama fiquei bem curiosa, espero poder realizar leitura em breve, pois a trama me cativou bastante...
    Amei a resenha e o layout lido do blog...

    ResponderExcluir

Gostou do post? Então deixe seu comentário. Mas lembre-se, não serão aceitos comentários que contenham qualquer tipo de preconceito ou palavras de baixo calão, respeite os demais leitores.

Obrigada por comentar e volte sempre!!

© 2017 x Design e Código: Sanyt Design x Livros e Café • voltar ao topo